Na superfície da Terra, smartphones fazem grande parte do nosso dia a dia. Mas parece que eles também podem realizar muito em órbita: a NASA desenvolveu pequenos satélites que usam celulares Android como cérebro.

A NASA os chama de PhoneSats: são pequenos satélites cúbicos com cerca de 65 cm³, tamanho aproximado de uma caneca de café.

Feitos a um custo abaixo dos US$3.500 com tecnologia disponível para consumidores, estes cubesats são muito baratos, considerando que se trata de tecnologia espacial. Com baixo custo, tamanho pequeno e disponibilidade fácil de peças, estes pequenos cubos são ótimos candidatos para o futuro dos satélites.

Por enquanto, a NASA desenvolveu e testou a primeira variação dos satélites, o PhoneSat 1.0, que possui um Nexus One como cérebro e também usou a câmera do aparelho.

O PhoneSat 2.0, que vai usar o Nexus S como cérebro, está em desenvolvimento e terá mais funcionalidades, como eletroímas para controlar a orientação do satélite no espaço, e rádio bidirecional para ser controlado a partir da Terra.

Originalmente, o PhoneSat 1.0 seria lançado antes do sucessor, mas agora os dois devem ser lançados simultaneamente, levando tecnologia do dia a dia até o espaço, e de uma forma nunca antes feita.

A NASA planeja lançar os PhoneSats em 2013. Ela ainda não fala de um PhoneSat 3.0, mas espero que mais smartphones continuem a explorar o espaço dessa maneira. [NASA via PC World]