O Quora é um site de perguntas e respostas que, em vez do conteúdo absurdo do Yahoo Answers, traz questões sérias e respostas completas. Ele exige que você use seu nome real e reúne algumas pessoas famosas, como Jimmy Wales (da Wikipédia), Michael Dell (CEO da Dell) e Ashton Kutcher.

Mesmo assim, o tráfego do Quora ainda é relativamente baixo: são apenas 1 milhão de visitantes únicos por mês, contra cerca de 55 milhões no Yahoo Answers. Para atrair mais atenção, o serviço pode se gabar de seu mais novo membro: o presidente americano Barack Obama.

Ele marca a estreia dos Perfis Verificados, garantindo que não se trata de um fake, e pode ser uma forma de atrair fãs de celebridades. No Quora, também estão o diretor Alfonso Cuarón, a atriz Michelle Rodriguez e o músico Michael Bublé.

Para ler as perguntas, é preciso se cadastrar através de sua conta no Google, Twitter ou Facebook. Feito isto, você também pode fazer perguntas: vá em “Add Question”, escreva e publique sua dúvida. Depois, você pode clicar em “asking someone to answer” e pedir para alguém respondê-la – inclusive alguém famoso.

Em alguns casos, isso fará você gastar “créditos”, que não podem ser comprados. Você começa com 500 créditos; para ganhar mais, é preciso que outras pessoas votem nas suas respostas, ou que sigam suas perguntas.

Às vezes, fazer perguntas é de graça, como para o CEO do Netflix:

quora reed hastings netflix

Isto lembra o Reddit AmA, sessão de perguntas realizadas de uma vez, como uma espécie de entrevista coletiva. No Quora, você só pode fazer uma pergunta de cada vez, mas pode direcioná-la para executivos e celebridades quando quiser – só não há garantia de que eles vão responder.

Para aumentar o tráfego, o Quora também lançou uma plataforma de blogs, para se expandir além das perguntas e respostas. Infelizmente, a interface só está disponível em inglês. Você usa? Já usou? [Quora Blog via TechCrunch]