Contamos por aqui a história de um rapaz na Austrália que aparentemente foi suspenso do Facebook porque a rede social achava que seu nome – Phuc Dat Bich – era zoeira. Bem, o nome é falso mesmo: ele confessa que era tudo brincadeira.

O rapaz publicou um post no Facebook em janeiro: “tive minha conta do Facebook fechada muitas vezes e fui forçado a mudar meu nome na rede para o meu nome real”, que seria Phuc Dat Bich, semelhante a “fuck that bitch”.

Junto ao post, havia uma foto de passaporte como “prova”:

passaportephuc

Ele contou a história para a mídia local, e ela se espalhou pelo mundo, aparecendo na BBC, n’O Globo, na agência AFP – que distribui conteúdo para vários jornais ao redor do mundo, como o Japan Times e o gaúcho Zero Hora – e no Gizmodo Brasil.

Havia alguns sinais de que a história poderia ser real. O cara tem origem vietnamita; o nome Phuc Dat Bich não é tão absurdo em vietnamita – a BBC até explicou como pronunciá-lo -; o post era de janeiro, em vez de algo criado recentemente, e ainda vinha acompanhado por uma foto de um passaporte.

No entanto, o rapaz não respondeu a nenhuma solicitação de imprensa. Os veículos tentaram confirmar a história e, sem ouvir resposta, assumiram que ela era real.

As suspeitas começaram a surgir ontem. O jornalista Trevor Long disse (grifo nosso):

Minha opinião é de que a foto no Facebook é, na melhor das hipóteses, curiosa. Dê uma olhada no passaporte: a fonte do nome dele é mais fina, tem peso totalmente diferente do resto da página. Eu examinei com meus próprios olhos vários outros passaportes australianos no último dia, e nenhum sofre com esta mesma questão da fonte.

O site australiano SBS – que inicialmente também acreditou na história – resolveu investigar um pouco mais a fundo. Eles entraram em contato com o rapaz dizendo: “nós temos indicações de que não existe nenhum registro de uma pessoa com seu nome na Austrália, nós sabemos que a foto do passaporte é falsa, e nossa afiliada SBS Radio no Vietnã lançou dúvidas sobre a autenticidade do seu nome”, porque Bich nunca é usado como sobrenome.

Então, o rapaz confessou hoje no Facebook que era tudo mentira:

O que começou como uma brincadeira entre amigos se tornou uma brincadeira que enganou a mídia… Com essa experiência, eu concluí que não devo confiar na credibilidade dos meios de comunicação, porque ela é distorcida por jornalistas famintos que mascaram a verdade… Isso mostra que uma pessoa comum como eu pode enganar as maiores fontes de notícias com facilidade.

E ele não deixou de ser um troll. No Facebook, ele diz que seu nome verdadeiro é Joe Carr, que soa como “joker” (piadista) e faz referência ao amor dele por carros.

Mas ele afirma ao Guardian e ao Sydney Morning Herald que seu nome real é Tin Le, preferindo ser chamado de “Mr. T” (como o ator da série Esquadrão Classe A).

No entanto, o Mashable descobriu que o rapaz na verdade se chama Thien Nguyen. O site obteve uma foto dele no ensino médio, e uma busca na internet mostra que Nguyen usou seu nome real para vender o carro cuja placa aparece em diversas fotos de seu perfil.

phucreal

[SBSGuardianMashable]