Está bem complicado o primeiro dia de vendas do Windows 8. Preços errados, dificuldades no download… Bem complicado. Se você ainda não comprou (e espero que não, pois está mais caro que o previsto), vem com a gente para tentar descobrir o que está acontecendo.

Ontem a Microsoft divulgou que a atualização do Windows 8 Pro, via download, custaria R$ 69 no Brasil. Ótimo! O preço é menor do que nos EUA, onde sai por ~R$ 80 (ou US$ 39). Quando as vendas começaram, porém, surpresa: o preço que surgiu foi de R$ 83,98!

Atualização do Windows 8 mais cara.

O número quebrado evidencia uma possível conversão automática. Entramos em contato com a Microsoft hoje cedo, ainda não recebemos um posicionamento oficial da assessoria, mas o sagaz leitor marcelocid despontou nos comentários do grande post sobre o lançamento do Windows 8 com uma teoria bem plausível. Diz aí, Marcelo:

Parece que o programa de atualização está fazendo a conta com o valor em dólar:

U$ 39,00 X dólar a R$ 2,0240 X IOF de 6,38% = R$ 83,972. O programa de atualização arredonda sempre para cima pelo jeito, já que mostra R$ 83,98.

Nada que um bom insight e alguns cálculos não resolvam. Ainda não sabemos se foi isso mesmo o que aconteceu, mas faz muito sentido.

Em resposta ao Marcelo, outro leitor, o dave_palmeiras, disse ter recebido uma explicação do suporte da Microsoft para esse preço maluco:

“Eu entrei em contato com a Microsoft e eles informaram que o sistema está dando erros devido ao grande número de acessos. O valor é de 69 reais mesmo, e será corrigido em breve. Pediram para aguardar para fazer a compra no valor correto.
Ou seja, os desesperados pagarão mais pelo erro no sistema!”

Que situação.

Atualização (13h07): o posicionamento do atendimento ainda não é unânime. Alguns leitores entraram em contato com a Microsoft e receberam a resposta de que o preço é esse mesmo devido à incidência de impostos. Ainda estamos no aguardo de respostas da assessoria.

A Upgrade Offer, aquela promoção de R$ 29 pela atualização para quem comprou ou vai comprar um computador novo com Windows 7, também não ficou livre de problemas. Descobri na prática que o assistente não funciona com o Windows 8 Enterprise — pelo menos essa é a melhor explicação para ele não ter funcionado e dito que o Windows 8 “não está disponível para compra no seu país/região.” O Felipe teve outro problema: o seu notebook, comprado em 27 de junho, não foi aprovado pela Microsoft como elegível à atualização. E o aviso ainda veio por email com o título em chinês.

Também vimos relatos de que a opção de pedir o DVD está aparecendo no Assistente de Atualização. O Emerson tem uma screenshot para provar, no Twitter. Sai R$ 32 a mídia, o que somado ao custo do download, acaba bem mais em conta do que a versão à venda no varejo — R$ 101 contra R$ 269.

Ainda estamos apurando o assunto e assim que tivermos uma resposta oficial da Microsoft, o post será atualizado. Enquanto isso, como estão as coisas aí? Alguém conseguiu comprar o Windows 8 por R$ 69?