A Sony recentemente abriu uma nova fábrica de Blu-Rays nos subúrbios de Sydney, e não importa qual a sua opinião sobre o formato de mídia em questão, não dá pra negar que a precisão automatizada do processo é algo que enche os olhos.



Charlie Brewer da News Limited nos guia pelos 16 passos, ricamente ilustrados em fotografias, enquanto os robôs transformam grânulos de policarbonato em unidades de armazenamento legíveis através de um laser. Os humanos estão lá também, claro, mas eles basicamente andam por aí olhando as coisas e se esforçando para não atrapalhar as máquinas. [news au via Kotaku]