Cobras são da hora. Cobras de duas cabeças então, sem palavras. Um raio-X de cobras de duas cabeças albinas já é demais pra mim.

Originária da Flórida, a cobra hondurenha albina pertence ao biólogo Daniel Parker, dono da Sunshine Serpents. As cobras com cerca de dois meses de vida passaram pelo raio-X pelo bem da ciência! O raio-X mostra onde a espinha dorsal delas se funde.

A parte mais interessante é quando as cobras se alimentam. Enquanto uma come, a outra fica olhando, plácida. Tipo, de buenas, enquanto a outra come tudo. Há vídeos e fotos na galeria. Vou colocar só o link do vídeo porque, você sabe, nem todo mundo quer ver isso. Medrosos.

Se você for para Orlando algum dia, é possível encontrá-la. Se calhar de você estar em Orlando hoje, veja só, você pode encontrá-la no Repticon. [Sunshine Serpents via Boing Boing]

Imagens: Daniel Parker