Este é um review feito pelo Gizmodo US e considera os preços e realidades dos EUA. Quando o dispositivo chegar ao Brasil, faremos nosso review localizado.

Passaram-se seis meses desde que a Samsung lançou os fones de ouvido sem fio Galaxy Buds Live. Mas a bola da vez é o Galaxy Buds Pro. Ao mudar para um design mais tradicional, mantendo o som de cancelamento de ruído (ANC, na sigla em inglês) integrado pelo preço de US$ 200 (cerca de R$ 1.050 na conversão atual), a companhia finalmente criou um concorrente digno e mais acessível para os AirPods Pro da Apple.

Em muitos aspectos, o Galaxy Buds Pro é uma mistura do Galaxy Buds+ e Galaxy Buds Live. Esta nova versão tem pontas macias de silicone para ajudar na função de cancelamento de ruído e garantir um ajuste mais confortável. E por ser mais leve que seus irmãos mais velhos, o ajuste é mais do que suficiente para garantir que não caia do seu ouvido, mesmo durante a prática de atividade física.

Pegando emprestado do Galaxy Buds Live também estão as frestas para evitar que a pressão do ar aumente, os microfones extras e o cancelamento ativo de ruído. A diferença aqui é que, como o Galaxy Buds Pros tem um design fechado, o ANC é muito mais eficaz em abafar o ruído ambiente, o que definitivamente ajudou a reduzir o barulho irritante de construções que tive de lidar enquanto escrevia esta análise. Para os mais exigentes, em comparação com os excelentes fones WF-1000XM3 da Sony, o ANC da Samsung não é tão poderoso. Mas é bem parecido. E considerando que o Galaxy Buds Pro é muito menor, acho válida essa troca.

Como todos os fones de ouvido recentes da Samsung, o Galaxy Buds Pro ainda inclui controles de toque integrados em ambos os fones, para que você possa pausar, reproduzir ou pular faixas, controlar mais facilmente o volume e ativar ou desativar o som ANC. No entanto, e esta é uma reclamação que eu tenho dos fones da Samsung há um tempo, você só pode definir os controles de toque para ajustar o volume ou alternar para ANC, mas não usar as duas opções ao mesmo tempo. Logo, você fica refém de uma única escolha.

Os Galaxy Buds Pro são mais do que uma simples atualização de fones lançados anteriormente pela Samsung. Em vez de ter um único driver em cada botão, como no Galaxy Buds Live, o Pro traz um woofer de 11 mm e um tweeter de 6,5 mm em cada lado. E quando seus novos drivers são combinados com melhor ANC e cancelamento de ruído passivo, o Galaxy Buds Pro produz um som ainda mais rico e detalhado, com tons baixos mais pronunciados. Porém, se você quiser uma batida extra, sempre pode selecionar um dos outros equalizadores predefinidos da Samsung (reforço de graves, suave, dinâmico, claro e aumento de agudos). Só não procure uma configuração personalizada para equalizador, porque ela não existe.

Enquanto isso, graças à inclusão de três microfones integrados diferentes, a qualidade de voz também é muito boa. Agora não me interpretem mal: ninguém vai confundir o Galaxy Buds Pro com um microfone de alta qualidade. Mesmo assim, pode ser uma substituição rápida e fácil para equipamentos de áudio mais caros.

Assim que você começa a falar, o Modo Ambiente é ativado automaticamente sem que você precise tocar nos fones

Outra grande novidade é a adição de detecção de voz, que permite que os fones ativem automaticamente o Modo Ambiente (que não elimina o ruído completamente) quando ouve sua voz. Pode não parecer uma função muito animadora, mas se tornou um dos meus recursos favoritos, pois me permite manter uma conversa com mais facilidade, sem precisar tirar os fones de dentro do ouvido. Basta começar a falar para que a mágica aconteça no mesmo instante.

Com um design levemente diferente, o Galaxy Buds Pro (à esquerda) vem basicamente no mesmo formato da case do Galaxy Buds Live (à direita)

Dito isso, o recurso não é perfeito. Atualmente, você pode dizer aos fones para ativar o Modo Ambiente em intervalos de 5, 10 ou 15 segundos – os dois últimos sendo geralmente longos o suficiente para manter uma conversa rápida. No entanto, se a pessoa com quem você está falando é um pouco tagarela, é muito possível que o recurso seja desativado no meio da frase. A Samsung diz que a razão para isso é que é muito mais fácil para os amigos perceberem quando você está falando, em vez de tentar adivinhar em qual das centenas ou milhares de sons próximos você deseja prestar atenção.

Além disso, para aqueles que lidam com áudio de vários dispositivos, a Samsung também adicionou um novo recurso chamado Auto Switch que permite conectar rapidamente o Buds Pro a um telefone ou tablet Samsung, ou a um PC com Windows 10. É automático e, em meus testes, funcionou perfeitamente, embora se recusasse a mudar uma das cinco vezes que tentei.

O único problema real do Galaxy Buds Pro é a vida útil da bateria. A Samsung diz que o acessório oferece cinco horas de reprodução de música com o ANC ativado, ou cerca de oito horas com o recurso desativado. Isso não é ruim, mas também não é ótimo. E embora às vezes eu notei o Galaxy Buds Pro durando até cinco horas e 20 minutos com o ANC ativado, ainda não é o suficiente para durar um dia inteiro de trabalho sem alguma recarga estratégica. Felizmente, os fones recarregam bem rápido, podendo ganhar horas extras de reprodução com apenas cinco minutos no estojo de carregamento. Para efeito de comparação, os AirPods Pro têm autonomia de apenas 4,5 horas de reprodução de música com o ANC habilitado.

Quando comparado com rivais, como o Sony WF-1000XM3 e os AirPods Pro, é quando o Galaxy Buds Pro realmente começa a mostrar seu valor. Eles têm ótima qualidade de áudio, um encaixe leve e confortável e duração da bateria ligeiramente melhor. E mesmo que seu ANC possa ser um pouco menos eficiente do que esses dois rivais, eu aposto que a maioria das pessoas teria dificuldade em apontar a diferença. Além disso, a função para detectar a voz automaticamente com certeza é um diferencial que você não encontra em outros fones sem fio.

Especialmente para proprietários de telefones Samsung, o emparelhamento inicial não poderia ser mais simples. Para outros smartphones Android, não é como se tivesse que baixar alguns aplicativos gratuitos antes de parear. Mas o mais importante: tudo isso vem de fones true wireless que, nos EUA, custam de US$ 30 a US$ 50 menos do que seus maiores concorrentes. Portanto, embora eu quisesse um pouco mais de duração da bateria e mais controle sobre os comandos de toque, o Galaxy Buds Pro é um ótimo produto para quem está de olho em fones de ouvido totalmente sem fio.

Um resumo:

  • O Galaxy Buds Pro dura cerca de cinco horas com uma carga com o ANC ativado (ou cerca de 8 com o ANC desativado), o que já é um pouco melhor do que as 4,5 horas dos AirPods Pro;
  • Graças ao seu design leve e três tamanhos de pontas de ouvido incluídas, o Galaxy Buds Pro é bastante confortável e fácil de usar por longos períodos de tempo;
  • O estojo de carregamento oferece 13 horas extras de bateria e pode ser recarregado com ou sem fio;
  • A ativação automática do Modo Ambiente do Galaxy Buds Pro acontece ao ouvir sua voz, permitindo que você converse com mais facilidade sem a necessidade de remover os fones;
  • A Samsung criou um novo modo de som espacial de 360°, mas atualmente ele está disponível apenas nos novos Galaxy S21. Dispositivos mais antigos da marca devem receber a novidade futuramente;
  • O aplicativo Galaxy Wearable está disponível para iOS e Android, embora você precise de um telefone Samsung se quiser aproveitar as vantagens de alguns recursos mais experimentais, como o modo de jogo de baixa latência.