No início do mês, Brock Ray Bunge estava com uma arma e se dirigiu para o subúrbio de Los Angeles, na Califórnia (Estados Unidos). Ele estava sendo perseguido pela polícia local por supostamente tentar matar uma pessoa e roubar outras duas. Você deve esperar que histórias como essa terminem em um tiroteio. Porém, em vez disso, as forças policiais usaram um robô para ir atrás de Bunge e pegar sua arma.

Conheça o “Robocop” que matou o atirador de Dallas
Robô humanoide Atlas continua a evoluir e agora se equilibra muito bem

“O robô foi um divisor de águas aqui”, disse o capitão Jack Ewell ao Los Angeles Times. “Nós não tivemos de colocar em risco a vida de policiais para desarmar um homem muito violento.”

Bunge tinha sido encurralado em uma barricada em Antelope Valley, uma área erma de Los Angeles. A situação já durava 7 horas, quando a polícia resolveu que eles iam enviar o robô Andros, que custou US$ 300 mil, frequentemente usado para desarmar bombas.

A polícia armou uma série de distrações antes de enviar o robô, incluindo mensagens em um megafone e barulhentos sobrevoos de um helicóptero. Bunge, que aparentemente nem estava segurando a arma, estava suficientemente distraído e não notou que a garra do robô se aproximou da barricada para pegar a arma dele.

Segundo um comunicado da polícia:

Por meio da câmera do robô, era possível ver o suspeito deitado de bruços, olhando para os veículos da SWAT. A arma foi vista próxima ao seu pé, e o robô rapidamente pegou o armamento sem que ele notasse. A arma foi imediatamente entregue à equipe da SWAT. O robô retornou à posição do suspeito, puxando a cerca para sua posição. O suspeito, então, percebeu que a arma não estava mais lá e que ele estava exposto. Na hora, ele se rendeu sem oferecer resistência.

Entrei em contato com o Departamento de Polícia de Los Angeles, e eles me enviaram algumas fotos do robô e do momento que o suspeito foi detido em 8 de setembro — o caso só foi divulgado publicamente no último dia 15 de setembro.

arma-suspeitola

Arma apreendida com o suspeito. (Departamento de Polícia de Los Angeles)

local-robo

Local onde o robô pegou a arma de Bunge (Departamento de Polícia de Los Angeles)

O uso de robôs policias é, claramente, um assunto controverso nos Estados Unidos — especialmente após um desses ter matado o atirador de Dallas, em julho.

De acordo com o Los Angeles Times, as acusações mais sérias de Bunge são tentativa de homicídio, assalto a mão armada e roubo.

Infelizmente, o Departamento de Polícia de Los Angeles disse que não pode liberar a gravação do ponto de vista de robô. Porém, eles nos mandaram esta foto tirada de um monitor do helicóptero, mostrando o suspeito se rendendo após descobrir que o robô pegou sua arma.

suspeito-la

Imagem captada de helicóptero mostra suspeito se rendendo (Departamento de Polícia de Los Angeles)

[Los Angeles Times]

Foto do topo: o robô Andros (Departamento de Polícia de Los Angeles).