Nos últimos anos há uma crescente preocupação com segurança no Brasil, que ainda apresenta índices altos de uma série de crimes. Uma boa alternativa para manter sua casa ou seu estabelecimento vigiado o tempo todo é a adoção do uso de  uma câmera de segurança, que além de monitorar o local pode facilitar a identificação de pessoas envolvidas em ações criminosas.

Se está pensando em comprar uma câmera de segurança e não sabe por onde começar, está no lugar certo. Nesta edição da seção, saiba como, trouxemos algumas dicas de como comprar uma câmera de segurança.

Resolução das imagens

Você deve imaginar que a câmera que captura imagens com melhor resolução é a melhor. Você não está errado, mas deve levar em consideração que quanto melhor a qualidade da imagem, maiores serão os arquivos armazenados e maiores as chances de o usuário precisar de mais espaço de armazenamento para guardar as gravações que julga importantes. Então, leve a quantidade de armazenamento que tem disponível antes de escolher a qualidade da sua câmera.

Ambiente

Tenha bem definido se a câmera será utilizada para monitoramento externo ou interno, para vigiar o quarto de uma bebê ou o seu pet. Câmeras para ambientes externos são mais resistentes, já que são projetadas para ambientes em que estarão vulneráveis a diversas adversidades. As câmeras projetadas para ambientes internos podem não ter a mesma vida útil se forem instaladas do lado de fora. Por isso esse é um dos pontos mais importantes a se considerar, caso o usuário não queira trocar o dispositivo pouco depois de tê-lo adquirido.

Conectividade

É muito importante verificar se a câmera que deseja comprar tem conectividade Wi-Fi. Isso vai possibilitar que o usuário possa visualizar as imagens capturadas pela lente em tempo real em computadores, tablets ou smartphones. É possível encontrar versões mais baratas que permitem conexão por cabo de rede (RJ45), mas qualquer dano nos cabos pode prejudicar a qualidade da transmissão das imagens ou interrompê-la completamente, o que demandará ao usuário realizar a substituição dos cabos.

Recursos extras

Algumas câmeras vêm equipadas com sensor de movimento e são ativadas apenas quando o sensor detecta alguma movimentação dentro do seu raio de alcance. Durante os períodos em que não há movimentação detectada pelo dispositivo, a câmera fica em stand by e só é ativada quando algum movimento é identificado. Isso se reflete na conta de luz do usuário que gasta bem menos energia.

Confira três câmeras que listamos para você:

Câmera externa IP Yoosee

A câmera tem resolução HD e conexão de internet por Wi-Fi e cabo de rede. o Usuário pode acessar as imagens remotamente de onde estiver e receber notificações em seu smartphone quando a câmera detectar algum movimento. Além disso, o dispositivo tem resistência à água, o que o torna próprio para ambientes externos.

Câmera externa IP Yoosee
Câmera Ip Yoosee Prova D'água Infravermelho Externa Wifi Hd Jortan 2 Antenas
R$ 198

Câmera IPEGA

A câmera tem sensor de movimento e também visão noturna, o que melhora a qualidade das imagens capturadas à noite. O dispositivo tem resistência à água e ao calor e acesso à internet por conexão Wi-Fi.

Câmera IPEGA
Camera Ip Wifi Dome Rastreamento humano Auto Track Switch Visão Noturna Alerta Celular A ...
R$ 186

Câmera Yoosee

A câmera tem detecção de movimento, recurso de visão noturna, função de voz, conectividade Wi-Fi e resistência à água o que a torna ideal para ambientes externos.

Câmera Yoosee
Câmera de Segurança wifi com 4 antenas 1080HD, 2MP, 4k, 360° CCTV
R$ 250

Assine a newsletter do Gizmodo

O Gizmodo Brasil pode ganhar comissão sobre as vendas. Os preços são obtidos automaticamente por meio de uma API e podem estar defasados em relação à Amazon.