A Tesla também vai se juntar ao grupo de montadoras de carros autônomos, e ela quer ser a primeira do mundo a conseguir vender um veículo que dirige sozinho. Em uma entrevista ao Financial Times, Elon Musk, CEO da empresa, disse que está trabalhando em um carro que roda no modo “piloto automático” e quer lançá-lo dentro de três anos. Isso coloca a Tesla à frente das suas concorrentes.

Musk está sendo realista sobre a sua nova aventura. O empreendedor e futurista esclareceu que o carro da Tesla daria ao computador cerca de 90% do controle do veículo – para mais do que isso seria necessário muito mais tempo antes de concluir o projeto, já que “é incrivelmente difícil conseguir a porcentagem final.”

A Tesla já está contratando pessoas para esta tarefa. Um anúncio na área de vagas da empresa procura por alguém para “ser responsável por desenvolver estratégias de controle lateral e longitudinal para o esforço da Tesla de criar um carro autônomo”. A preferência é por candidatos com PhD.

Apesar da grande revelação e do prazo ambicioso, nada disso é realmente surpreendente para quem acompanha o hábito de Musk de buscar conquistas que mudem o mundo. Entre a sua empresa de viagens espaciais comerciais, a SpaceX, a seu plano de sistema ultrarrápido de transporte, o Hyperloop, esse cara é uma máquina de inovação. Vamos ver se ele é capaz de conseguir fazer isso. [Financial Times via Reuters]