A maioria dos posts do TikTok contém música. Se o vídeo mostra um usuário fazendo uma pequena esquete de comédia, um meme, um cosplay ou exibindo algum tipo de obra de arte — tem sempre música tocando. A plataforma inicialmente foi criada para ser um app de dublagem de músicas e encoraja que todos os vídeos tenham uma música ou algum trecho de uma canção.

A companhia agora tem um plano de adicionar muito mais que música para os 15 segundos possíveis do app — ao lançar a uma versão própria de um programa de competição de talento. O novo programa, chamado Spotlight, está, no momento, disponível apenas para usuários da Coreia do Sul e do Japão.

O TikTok explicou em um anúncio que a competição contará com três fases. A primeira selecionará 100 músicos, depois escolher 18. Na sequência, de cinco a dez usuários serão selecionados como vencedores. As escolhas serão baseadas na popularidade e na decisão de um painel de juízes composto por compositores, produtores e artistas. O grupo final ganhará “oportunidades de produção e outros prêmios”.

Logotipo do programa de talentos TikTok Spotlight

A plataforma é vaga sobre sobre os detalhes da competição, mas a companhia disse que tem parceria com 21 selos e editoras, e o programa dará aos músicos “exposição direta aos líderes da indústria da música.”

O app não deu mais informações sobre quais direitos a companhia terá sobre as músicas submetidas no app, se compensará os artistas que submeterem músicas, e se a companhia planeja expandir o programa para outros países.

Um link no site do Spotlight, onde os artistas podem “criar uma conta e submeter conteúdos originais, leva para uma página que diz: “Desculpe-nos, mas esta página não está disponível em sua região”. Talvez role para quem estiver no Japão ou na Coreia do Sul.

O anúncio reforça que após os artistas submeterem suas músicas, ela ganha destaque numa playlist promovida e “são compartilhadas com usuários do TikTok para criação de conteúdos.”

A plataforma TikTok e sua audiência podem ajudar artistas independentes a ganharem exposição e popularidade. Como pontua a Billboard, a música “Old Town Roads”, do rapper Lil Nas X, entrou na lista da Billboard após se tornar popular no app — o que mostra o alcance e o impacto do TikTok. Mas não está claro se os criadores participantes do programa Spotlight se beneficiarão financeiramente do uso de suas músicas por usuários do TikTok.

[TikTok via TechCrunch]