O Ferencvaros resolveu tomar uma medida drástica contra a violência no futebol. O clube húngaro, um dos mais importantes do país, implantou um sistema de identificação biométrica no seu estádio, o Gourpama Arena, em Budapeste, para saber exatamente quem entra em casa um dos jogos. A atitude, claro, desagradou muitos torcedores. Os mais exaltados são os torcedores organizados, que alegram que esse tipo de ação é um atentado contra a privacidade das pessoas. O clube alega que é uma medida importante contra a violência.

Continue lendo no Trivela: http://trivela.uol.com.br/time-hungaro-usa-biometria-estadio-mas-torcedores-protestam-por-violacao-de-privacidade/