Lançado em 1985, o Dustbot é dito como o primeiro robô a apresentar um aspirador de pó embutido (essa vassourinha é só estética) e apresentava detecção de quinas para desviar de obstáculos.

Eu nunca tive um Dustbot, mas eu tinha o seu irmão, o Verbot – assim como o Jesus Diaz (acabei de descobrir isso na sala de descanso do Gizmodo). O Verbot era um robô programável por voz com um capacete bolha estiloso e olhos amistosos espaçados para compensar o brilho vermelho maligno. Nós o achávamos um tanto quanto fraco, mas tenho certeza de que há muitos anos, Jesus e eu estávamos experimentando os nossos primeiros palavrões ao mapeá-los em relação a simples funções robóticas desconhecidas para nós dois. [The Old Robots via bbGadgets]