Um bombeiro dos EUA cujo rosto foi desfigurado durante uma tentativa de resgate é o receptor do mais completo transplante facial já feito no mundo. O homem de 41 anos agora tem o rosto de um rapaz de 26 anos que morreu em um acidente de bicicleta.

Como relatado na Reuters, a cirurgia de 26 horas foi realizada por uma equipe médica de 150 pessoas (!) do Centro Médico Langone da Universidade de Nova York.

O bombeiro voluntário Patrick Hardison recebeu couro cabeludo e rosto completos, incluindo orelhas, nariz, lábios e pálpebras superiores e inferiores. O importante é que Hardison agora pode piscar e dormir com os olhos fechados, o que o salvou da cegueira que o ameaçava.

transplante-rosto-2

Patrick Hardison após a cirurgia

O rosto em si pertencia a David Rodebaugh, um entusiasta de BMX que teve morte cerebral anunciada após um trágico acidente de bicicleta.

Mais da Reuters:

Cirurgias simultâneas aconteceram, disse [Dr. Eduardo] Rodriguez, com Hardison em uma sala de cirurgia enquanto Rodebaugh estava em outra. A equipe médica da Universidade de Nova York praticou por um ano inteiro para fazer direito.

“Você só tem uma chance de pousar a sonda. O mesmo vale com o rosto,” disse Rodriguez à Reuters após uma conferência para a imprensa em Nova York na segunda-feira.

A equipe cortou a pele a partir da parte de trás da cabeça do doador, soltando cada lado com peças-chave de osso presas ao queixo, nariz e maçãs do rosto, e então precisamente colocaram, como se fosse a máscara do Batman, na cabeça de Hardison.

“Tudo precisava estar perfeitamente posicionado,” disse Rodriguez à Reuters, incluindo ossos, músculos, canais auditivos, lábios e nervos.

A cirurgia de US$ 1 milhão, que foi bancada pela Universidade de Nova York, foi considerada um sucesso após Hardison ser levado a uma loja e ninguém ter parado para olhar o rosto dele uma segunda vez.

transplante-rosto-3

Representação gráfica da armação física.

A mãe de Rodebaugh, que deu permissão para o transplante, viu algumas fotos de Hardison após a cirurgia e disse à equipe médica que “Patrick está lindo”.

Imagino o que ela sentiu após ter uma visão do seu filho morto sendo trazido de volta à vida em uma cirurgia marcante e revolucionária. [Reuters]