Todo mundo reclama de barriga cheia por Lost passar aqui com uns meses de atraso. Aparentemente a série nunca foi ao ar na Bolívia, já que, de acordo com o El Comercio do Peru, a emissora de TV P.A.T. Noticias deu em seu jornal as imagens de Kate, Jack e outras pessoas sendo jogadas para fora do avião no trágico vôo da Oceanic. Ah, com um detalhe mais bacana: eles deram isso como se fossem as fotos tiradas da câmera de um passageiro do vôo Air France 447, recuperada no meio do Oceano Atlântico. Sim, a mesma velha corrente da Internet está de volta. Temos um vídeo para provar.

[UPDATE]

O vídeo parece ser da época do acidente da Gol, apesar de ter sido postado no Youtube ontem. A moça menciona a Serra do Cachimbo, que obviamente não é tão perto de Fernando de Noronha quanto todo mundo pensa. No site da P.A.T. não há muitas informações. Alguém de Santa Cruz de la Sierra pode confirmar a história?  =)

A televisão da Bolívia foi ingênua ao acreditar em uma corrente que vai sendo adaptada a cada tragédia aérea – mas os andinos não foram os primeiros a cair no caso do AF 447: um site chinês já havia dado a notícia falsa. As imagens que circulam pela internet foram criadas pelo Cardoso, em 2006, para um "experimento social que testaria a falta de senso crítico do internauta médio" à epoca do acidente da Gol. Na corrente criada de propósito, as fotos com blur descaracterizam as pessoas e os "detalhes técnicos" (absurdos) confeririam "credibilidade" à história, como o modelo da câmera que teria as fotos, o nome e profissão do passageiro. Vou deixar a citação em espanhol do jornal peruano porque espanhol me parece uma língua realmente dramática:

La narradora del noticiero leyó la información ante cámaras muy convencida de la veracidad de la información. ”Al investigar el número de serie de la cámara, el propietario podría ser identificado como Paulo G. Muller, un actor de un teatro para niños conocido en las afueras de Porto Alegre”, aseguró.

Em tempo: desde quarta-feira, Bolívia, Haiti, Equador, Chile e Cuba são os únicos países da América a exigir diploma de Jornalismo para exercer a função. [Digg via FabricioMiranda]