Hacks de Kinect estão aparecendo cada vez mais, e aqui está um que vai acelerar o coração de milhões de PC gamers: um hack que permite controlar World of Warcraft através de gestos.

A tecnologia está vindo do Instituto de Tecnologias Criativas da Universidade do Sul da Califórnia, onde o time construiu um toolkit – apelidado de Toolkit de Esqueleto Articulado de Ação Flexível (FAAST) -, que permite atrelar processamento de imagem e captura de movimento para ser interpretado como qualquer pedaço de código que eles desejarem. Este middleware, com alguns ajustes, permite que o FAAST facilite “a integração do sensor de movimento com jogos e aplicativos de realidade virtual,” via um servidor de processamento inteligente. Este servidor interpreta o padrão do esqueleto do usuário, incluindo a posição do corpo e gestos que podem ser mapeados para corresponderem a controles do teclado.

O código é gratuito para uso não-comercial, porque o Instituto tem grandes planos para ele – incluindo jogos simples, voltados para a medicina, como a reabilitação de funções motoras depois de um derrame, e mesmo reduzir a obesidade infantil através de “jogos saudáveis” (porém, dada a natureza do Kinect, a saúde de mesas de centro e quinquilharias ao redor do mundo estariam em perigo).

Mas uma demonstração feita com o FAAST é particularmente intrigante: ele foi ajustado para jogar World of Warcraft. Confira:

É obviamente experimental, e nós não estamos muito seguros quanto a esses movimentos estranhos para se locomover – parece que vai detonar suas costas depois de jogar muito tempo, e o Kinect devia ser capaz de captar jogadores correndo no mesmo lugar. Os gestos que eles estão usando vão se tornar cada vez mais complexos – no futuro, aparentemente, terão maneiras mais inteligentes de batalhar e usar magias.

O uso do Kinect em um dos jogos online mais populares do mundo demonstra quão poderoso será o futuro dos games. WoW já é um jogo altamente complexo para se jogar, que requer o domínio de múltiplos controles ao mesmo tempo – transformar isso em um jogo controlado apenas por movimentos corporais, pode aumentar o quanto a experiência é imersiva, o que é muito além do que o Kinect pode fazer nos jogos para a plataforma Xbox por enquanto. Será que a Blizzard, desenvolvedora do WoW, vai abraçar esta idéia quando o Kinect chegar “oficialmente” ao PC – como a Microsoft deu algumas dicas de que irá chegar? Difícil dizer, mas há algo grande para se aproveitar nesse hack: com ou sem WoW, ou até mesmo sem o Kinect (como o sistema de controle por gestos podem chegar em breve para tablets e smartphones) os jogos irão se tornar cada vez mais inovadores e excitantes a partir do próximo ano.

A Fast Company estimula inovadores a desafiar as normas e criar o futuro dos negócios.