O site do Google vazou o nome de sua próxima versão do smartphone Pixel, segundo reporta o Verge, no que parece ser a segunda vez em duas semanas que algo do tipo aconteceu.

Captura de tela mostrando o Pixel 3a em página do Google, que já saiu do arOlha lá o Pixel 3a na relação de smartphones. Captura de tela via Verge

Como rolou no mês passado quando o Google (aparentemente de forma acidental) liberou notícias sobre o Nest Hub Max (um dispositivo de casa conectada), capturas de tela do site mostraram rapidamente um link para o Pixel 3a. Segundo o Verge, a menção ao Nest Hub Max voltou a aparecer, mas foi rapidamente removida:

Embora o Google já tenha removido a página de “novo” referente ao smartphone, o estrago (se você considerar o vazamento de um produto antecipadamente como um problema) parece que já foi feito. De fato, o 9to5Google reporta que o website também mostrava referências do Nest Hub Max, além de um Nest Hub, antes de ser removido do ar.

O link do Pixel 3a, assim como a página em que os consumidores poderiam compará-lo com os outros aparelhos da linha Pixel, já está desativado. Então, a grande notícia desse vazamento é a confirmação do nome Pixel 3a — o que não é lá muito bacana, pois já havia sinais disso anteriormente, mas isso segue um número absurdo de vazamentos que também vimos ocorrer antes do lançamento do Pixel 3.

Mais detalhes da linha 3a apareceram em outros vazamentos, incluindo um outro nesta sexta-feira. Há alguns meses, um vídeo do que parecia ser uma pré-produção de um “Pixel 3 Lite” apareceu no YouTube, detalhando todas as especificações do aparelho. Como o 9to5Google notou, o Play Developer Console (uma interface para gerenciamento de apps) adicionou dois perfis de dispositivos identificados como “bonito” e “sargo”, que parecem ser os nomes para o Pixel 3a e o Pixel 3a XL respectivamente:

Ambos contam com 3840 MB (ou 4 GB) de RAM, enquanto o bonito tem uma tela de 1.080 x 2.160 com 400 DPI (pontos por polegada), o Sargo conta com uma tela um pouco maior, no caso um display de 1.080 x 2.220, com uma densidade de 400 DPI (pontos por polegada).

Considerando a resolução e a densidade de pontos por pixel, o sargo (Pixel 3a) tem uma tela de 5,6 polegadas que nós tivemos acesso no mês passado. Outros aspectos que nós conseguimos confirmar incluem a tela OLED, o processador Snapdragon 670, 4 GB de RAM, câmera traseira de 12 megapixels e uma bateria de 3.000 mAh.

De acordo com o Engadget, outros rumores sugerem que o Pixel 3a XL pode mudar no Snapdragon 670 para um chip Snapdragon 710.

A quantidade de vazamentos do Pixel 3 foi tão grande que na época as pessoas começaram a criar teorias da conspiração de que o Google estava fazendo isso para distrair a atenção do aparelho original. Mas, talvez, o Google simplesmente não seja bom em guardar segredo de produtos, ou não liga muito para isso de tentar manter o mistério sobre novos hardwares. Será que alguém liga para isso em uma era em que a nova norma é os smartphones terem qualidades incrementais, e não revolucionárias?

Como o dono de um Pixel 3 XL, estas versões mais baratas da linha Pixel não chamaram muito minha atenção. No entanto, com rumores circulando de que ele deve ser apresentado na conferência Google I/O em maio, eles parecem ser uma boa opção para quem não quer gastar muito.

[The Verge/9to5Google]