Deu para sacar o impacto do aparelho? Pois bem, somado à tela de 3,9 polegadas de AMOLED — que, segundo o GSMArena, é o maior atrativo do N9 — e à câmera que dá resultados bem mais do que dignos, e temos um aparelho bem chamativo por fora. Mas e por dentro?

Bem, por dentro o N9 também não decepciona, mas é aqui que entrar o ar da dúvida. O Harmattan, versão redesenhada do Meego pela Nokia, é um sistema extremamente simples de usar e traz uma série de aplicativos essenciais. Sua força está no que ele já tem, e não em sua loja. Apesar da teoria interessante, sabemos que isso não é bem uma questão de escolha: o Meego não parece ter futuro no mundo móvel, e a Nokia já não aposta mais nele. Isso significa que você não terá apps diferentes e que basicamente terá que viver com seu smartphone desse jeito até o dia em que decidir trocá-lo.

Para o This Is My Next, o N9 tem mais prós do que contras. A ausência de apps é coberta por um sistema extremamente rápido e diferente. Por causa de seu design e coesão, o Engadget diz que o aparelho é o primeiro smartphone saído da Finlândia com potencial para enfrentar iPhones e Androids desde o começo da corrida por smartphones. E o GSMArena diz que a decepção surge por causa da história triste do N9: um aparelho brilhante, lindo e simples que será esquecido e relegado por seus próprios criadores.

Por isso a comparação do N9 com um supercarro faz ainda mais sentido: ele será uma peça rara, difícil de encontrar, não será fácil mantê-lo, mas seu apelo será muito mais emocional do que pragmático. Mas o This Is My Next conclui toda a história em poucas frases:

Eu ainda não consigo descrever [a decisão de comprar um N9] como um erro até eu ver os Windows Phone da Nokia, mas uma coisa é clara: o N9 é a personificação de todas as promessas da Nokia para 2010. É uma pena que a Nokia de 2011 não confie tanto em si mesma a ponto de deixá-lo passar.

Confira os três reviews completos clicando ao lado e nos conte: apesar da obsolência marcada desde o dia de seu nascimento, o N9 pode ser o smartphone dos seus sonhos? [GSMArena, This Is My Next, Engadget]