Velocidade média da internet no Brasil salta 17% e vai a 415 Mbps em 5 anos

Aumento expressivo da rapidez de acesso à internet foi possível graças ao avanço da tecnologia e a expansão das redes de fibra ótica no Brasil
Vem aí a Identidade da Internet, a nova autenticação de celulares

Dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) mostram que houve um salto de 18 vezes na velocidade do acesso à internet no Brasil em cinco anos. Em junho de 2023, a velocidade registrada era de 415 Mbps, sendo que, em 2018, era de 22 Mbps.

Também foi registrado um crescimento na base de clientes. De acordo com os dados oficiais, houve um aumento de 30,4 milhões para 46,39 milhões. Extraoficialmente, estima-se que o país tenha mais de 50 milhões de assinantes de banda larga. Ou seja, houve um salto de cerca de 53% no número de clientes.

Avanços da tecnologia permitiram crescimento

O crescimento é fruto da expansão da rede de fibra óptica. Em 2018, os acessos xDSL ainda predominavam, baseados no cobre da telefonia fixa e no cabo coaxial.

Mas os provedores têm apostado fortemente em equipamentos GPON, de fibra óptica, e passaram a oferecer o serviço com mais velocidade. Essa tecnologia também permite reduzir o consumo de energia elétrica e os custos de manutenção.

Os avanços também estão ligados às melhorias da tecnologia das redes de transporte. Tratam-se das redes que ligam o gigante volume de dados gerado e recebido nas residências, que trafega de um lado do planeta ao outro, minuto a minuto.

Há cinco anos atrás, os transceptores ópticos mais comuns permitiam conexões de 100 Gbps por feixe de luz em um cabo óptico utilizado no backbone (a espinha dorsal da internet). No backhaul, rede de transporte com mais capilaridade, as velocidades eram menores que isso.

Atualmente, a informação está cada vez mais sendo convertida diretamente por transceptores ópticos presentes nas antenas, encaminhada aos roteadores e, então, dirigida aos data centers.

Assine a newsletter do Gizmodo

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas