Nós sempre ficamos um pouco assustados com a cobra artificial da universidade Carnegie Mellon – que, sejamos sinceros, é uma obra impressionante de engenharia robótica. Mas vê-la se contorcer aleatoriamente enquanto tenta andar e atravessar obstáculos nunca deixará de ser inquietante.

Em sua última façanha, a cobra-robô é usada para explorar um prédio em colapso e buscar por sobreviventes.



Sem pernas ou rodas, o robô pode deslizar facilmente por qualquer tipo de terreno irregular, e, como mostra o vídeo acima, ela pode ser ativada automaticamente por um cão de resgate em espaços onde o animal não cabe.

Além disso, como vimos antes, esta cobra robótica sabe manter a cabeça estável e apontada para um só direção, e dessa forma ver melhor os arredores, exibindo tudo em vídeo para quem a controla.

Ainda mais impressionante é que a Universidade Texas A&M tem toda uma cidade destruída falsa, chamada Disaster City, apenas para a realização de testes como este. [YouTube via Carnegie Mellon Biorobotics Laboratory]