Ao que tudo indica, realmente vai ter Copa mesmo, e o cientista brasileiro Miguel Nicolelis continua em sua cruzada para colocar seu projeto “Andar de Novo” na abertura do evento: se tudo der certo, um jovem brasileiro paraplégico participará da abertura, em São Paulo, usando um exoesqueleto controlado pelo seu cérebro, devolvendo os movimentos de sua perna e fazendo com que ele consiga dar o chute inicial. Se emociona só de imaginar, temos agora um vídeo com imagens mais concretas do robô, e comentários de Nicolelis sobre o processo e o impacto do projeto.

As imagens foram feitas ontem, durante a visita do ex-presidente Lula ao local de testes do projeto. Nicolelis e sua equipe continuam trabalhando incessantemente para que no dia 12 de junho a veste robótica seja usada – faltam apenas dois meses para o evento. Mas torcemos para que dê certo: já passou da hora de termos mais projetos científicos de grande porte nascidos e desenvolvidos no Brasil. Agora, é só imaginar na Copa. Para acompanhar o andamento do projeto, recomendamos dar uma olhada frequente na página de Nicolelis no Facebook.