Receber uma tatuagem é um processo espetacular – ainda mais quando visto em slow motion. Mas como funciona a remoção de uma tatuagem? É uma ciência fascinante com lasers e tudo mais.

>>> Como a arte das tatuagens coloriu a história do mundo

O Smarter Every Day publicou um vídeo explicando como funciona todo o processo de tirar aquele desenho — que teoricamente seria permanente — do seu corpo. Bem, elas são permanentes, de fato, mas esses lasers fazem um ótimo papel ao remover aquela tatuagem que você fez e se arrependeu.

Para entender como funciona a remoção, é preciso saber como funciona o processo de tatuagem. Em resumo, múltiplas agulhas enfiam tinta no seu corpo – e não é qualquer tinta, já que muitas delas são feitas com metais pesados como cádmio, cromo e sais de magnésio.

Mas seu corpo não aceita a penetração dessa tinta na boa. Assim que as partículas de pigmento são percebidas pelo seu sistema imunológico, ele entra em ação para tentar remover os intrusos. Glóbulos brancos de sangue caminham até o local do seu corpo onde está a tatuagem e se esforçam para removê-la. Mas as partículas de tinta são de tamanhos variados – algumas pequenas, outras enormes e maiores do que os glóbulos brancos. Assim, as menores saem, enquanto as grandes permanecem. Essa briga eterna para tirar do seu corpo a tinta que não pertence a ele faz com que as tatuagens apaguem um pouco com o tempo.

pmmyfrlyysyjxyai1h2x

Entra em ação o laser. Não é qualquer laser que consegue acabar com uma tatuagem – são alguns especiais e extremamente caros. Quando o laser é jogado em direção à tinta da tatuagem, ele quebra os pigmentos de tinta. Isso faz com que aquelas partículas que seu corpo não conseguiu remover fiquem menores – e, assim, o nosso sistema imunológico consegue absorvê-las com mais facilidade.

Então podemos, sim, remover uma tatuagem. Mas sempre é bom lembrar que é um processo demorado – você precisará visitar um cirurgião plástico várias vezes – e caro. Muito mais caro do que a própria tatuagem, em muitos casos. Confira o vídeo abaixo, preparado pelo Smarter Every Day, com mais detalhes e imagens de todo o processo (o vídeo está em inglês) [Smarter Every Day via Sploid]