O mestre em aviões de papel Takuo Toda estava tentando quebrar o recorde de voo mais longo lançado por mão humana — 27,9 segundos no ar — e quando Toda fez seu segundo lançamento do dia, parecia que ele iria finalmente superar o recorde. Então um avião estacionado, um avião de verdade, entrou no meio e estragou tudo: o contato com o avião desqualificou o voo. Mas Toda ainda pode se contentar em ainda ser o dono do recorde de 27,9 segundos, eu acho.

A técnica dele é simples: lançar o avião para cima, não para a frente, e deixar o design simples do avião, inspirado em origami, trazê-lo devagar até o chão em uma forma próxima de uma espiral. Aqui está um vídeo, feito em maio, de Toda demonstrando sua tentativa anterior de quebrar o próprio recorde em um hangar vazio:

[Boston.com]