Forza Horizon 5, game de corrida para Xbox e PC anunciado durante a E3 deste ano, terá nada menos que 11 biomas. A informação é do blog do Xbox, em uma publicação da última segunda-feira (26). 

Enquanto os jogos anteriores se passavam no sertão australiano (Forza Horizon 3) e os campos ingleses (Forza Horizon 4), o quinto game será inspirado no México. De acordo com a publicação, “cada um dos 11 biomas únicos terá uma transição diferente entre as estações”, tal qual a mecânica implementada no antecessor.

“Sabíamos desde o início que queríamos que este fosse o maior Forza Horizon de todos os tempos. No entanto, para sermos maiores, sentimos que também precisávamos oferecer o máximo de diversidade”, diz Mike Brown, diretor criativo da franquia na desenvolvedora Playground Games.

Os 11 biomas são:

  • Cânion: o local mais exibido durante o trailer de revelação terá rochas e, para ajudar na imersão, terá mais eco do que os demais.
  • Costa tropical: cenário de férias mexicanas, há palmeiras e vida animal nesta região paradisíaca.
  • Fazendas: plantas frutíferas coloridas e cercas quebráveis trazem um bioma que já estamos acostumados a ver em Forza.
  • Colinas áridas: digno de filmes de velho-oeste, há aridez e espaço para corridas off-road.
  • Floresta: vegetação densa, cachoeiras e riachos são encontrados aqui, junto a templos inspirados em locais reais do México.
  • Deserto vivo: pela primeira vez, cactos estão em Forza – além de formações rochosas únicas do bioma.
  • Costa rochosa: sem muitas árvores, nessa região você terá visão privilegiada dos oceanos.
  • Deserto de areia: dunas perfeitas para veículos 4×4, bem como ruas pavimentadas sem muitas curvas, o que pode ser uma boa oportunidade de testar a aceleração dos seus veículos.
  • Pântano: águas rasas do pântano apresentam a mecânica de criar atalhos quando você quebrar raízes de árvores (caso o veículo dê conta).
  • Cidade urbana de Guanajuato: marcada pela arquitetura, a região tem variedade vertical e vários túneis, com trajetos interessantes para circuitos de corrida.
  • Vulcão: ao lado do deserto há uma das regiões mais altas do mapa, sendo o único local onde os jogadores poderão encontrar neve.

Durante a transmissão ao vivo que aconteceu também na última segunda-feira, batizada de Let’s ¡Go!, parte da equipe de Forza contou escolhas nos respectivos biomas. A live de meia hora pode ser assistida na íntegra a seguir (em inglês, com opção de tradução de legendas via player do YouTube):

Conar Cross (diretor de arte) comenta que houve certa preocupação ao conectar os biomas e, no caso do pântano, foi resultado da interseção entre a floresta e a costa tropical, com cenários verdes do game. “Tentamos capturar as nuances daquilo que faz parecer ser real e no caso da floresta (…) é incrível sair da floresta densa e ver os incríveis templos espalhados pelo mapa”, Conar conta. O diretor ainda diz que há uma referência da cultura pop: um dos tipos de arbustos foi inspirado em Predador, filme que estrela Arnold Schwarzenegger.

O vulcão, por outro lado, é descrito como a maior característica geológica trazida ao mundo de Horizon. A destruição dos cenários, como em Horizon 4, também resulta em pontos adquiridos pelo jogador, remetendo ao ar “arcade” do jogo, por mais que o visual realista e os gráficos da atual geração tentem te convencer do contrário.

Assine a newsletter do Gizmodo

Forza Horizon 5 será lançado em 9 de novembro para PC (via Steam e Microsoft Store), Xbox One e Xbox Series X/S.