Em junho, o YouTube ganhou suporte a vídeos de 48 e 60 quadros por segundo, que parecem mais fluidos e suaves. O Google prometeu disponibilizar isto para todos os usuários “nos próximos meses” – o que finalmente aconteceu esta semana.

Há três pré-requisitos para tocar vídeos em 60 fps:

  • o vídeo original precisa ter 60 quadros por segundo;
  • você precisa usar Chrome ou Safari (nada de Firefox ou Internet Explorer por enquanto);
  • a definição deve estar em pelo menos 720p (HD).

Para saber se um vídeo está disponível em 60 fps, clique no ícone da roda dentada:

youtube 60fps (2)

Nas últimas horas, foram enviados uma enxurrada de vídeos em 60 fps. Infelizmente, ainda não há um filtro de busca para encontrá-los, mas você descobrirá várias opções apenas procurando por “60 fps”.

Aparentemente, o YouTube só oferece a opção 60 fps para vídeos enviados a partir de 29 de outubro. Vídeos mais antigos provavelmente não rodarão a essa taxa de quadros, mesmo que tenham “60 fps” no título.

Há também vídeos em 48 fps (também conhecido como HFR), taxa de quadros usada em O Hobbit. Um exemplo:

Os apps do YouTube para Android e iOS ainda não têm suporte a taxas de quadros mais altas, mas isso deve ser questão de tempo. Enquanto isso, aproveite os vídeos suaves no seu computador. [Kotaku US via Engadget]