A tendência de telas que ocupam praticamente todo o espaço frontal do celular trouxe um pequeno inconveniente: os entalhes que abrigam as câmeras frontais. No começo foi bastante esquisito, mas já estamos nos acostumando. Porém, a ZTE anunciou que irá lançar o primeiro smartphone “produzido em massa” com uma câmera frontal que fica sob a tela – essa é uma das maneiras mais espertas de eliminar o notch.

O aparelho será o Axon 20 5G, que deve ter tela OLED de 6,92 polegadas e nenhum entalhe, nem aquele “furinho” que alguns smartphones adotaram numa tentativa mais discreta. Ele não será o primeiro celular a abandonar completamente o recorte para abrigar a câmera de selfies, já que outros aparelhos recorreram a mecanismos pop-up, por exemplo.

O desafio para esse tipo de tecnologia é que a tela não é completamente transparente, então fotografar através dela pode resultar em uma qualidade abaixo da média – principalmente porque fica mais difícil de a luz entrar pelo sensor e captar tudo com nitidez.

Outras marcas chinesas como a Oppo e Xiaomi já mostraram protótipos de aparelhos com câmera sob a tela, mas os projetos não foram para frente. Na ocasião, o vice-presidente da Oppo disse que “é difícil para as câmeras sob a tela terem os mesmos resultados que as câmeras normais”, o que indica que, pelo menos naquela época, havia algum prejuízo na qualidade de imagem das fotos desses sensores.

A ZTE ainda não revelou especificações do aparelho, nem como irá funcionar essa tecnologia, mas deve mostrar tudo no dia 1º de setembro.

Vazamentos anteriores sugerem que o ZTE Axon 20 5G terá câmera frontal de 32 MP e um conjunto duplo de câmeras traseiras com 64 MP e 8 MP. Outras especificações especuladas incluem tela de 6,92 polegadas com resolução 2460 x 1080, até 12 GB de RAM e bateria de 4120 mAh.

[Android Authority]