De acordo com uma pesquisa do analista Gene Munster, do banco de investimento Piper Jaffray, dentre os 4 bilhões de downloads de apps nos iPhones, iPod Touches e iPads, 81% são downloads gratuitos, e os outros 19% têm custo médio de US$1,49.

Fazendo algumas contas, estes números implicam que a Apple embolsou US$428 milhões dos apps desde o lançamento da App Store – cerca de 29 centavos de dólar por app – e gastaram cerca de 81 milhões para distribuir estes apps.

Parece muita grana, até você perceber que isso representa apenas 1% dos US$33,7 bilhões que a Apple obteve de lucro no mesmo período de tempo.

Claro, há alguns pontos a se notar:

1. Os apps ajudam a vender iPhones, então eles produzem muito mais lucro indiretamente;

2. Apps "gratuitos" que incluem propagandas não foram separados de alguma forma;

3. Os iAds são a resposta clara a este modelo de apps embutidos com propagandas, então…

4. A Apple já reparou nesta discrepância na receita, e querem um pedaço maior desse bolo.

[AppleInsider]