Facebook e anonimato são coisas que não combinam, certo? Talvez. Mas o Facebook quer mudar isso, e pretende lançar apps que permitam o uso anônimo da rede social.

Isso é o que diz um artigo da Bloomberg Businesweek que comenta os 10 anos da rede social de Mark Zuckerberg. Brad Stone, autor do longo (e ótimo) artigo, descreveu quais devem ser os próximos passos da rede social:

“Uma coisa em relação aos novos apps que serão um choque para qualquer um familiarizado com o Facebook: usuários poderão logar anonimamente. Essa é uma grande mudança para Zuckerberg, que certa vez disse a David Kirkpatrick, autor de O Efeito Facebook, que “ter duas identidades para si mesmo é um exemplo de falta de integridade.”

Antigos funcionários do Facebook disseram que identidade e anonimato sempre foram tópicos de discussões acalorados na empresa.”

Mas Zuck mudou de ideia. Talvez motivado pela busca pela privacidade que está afastando usuários da rede social – especialmente jovens, e que também já motivou a tentativa de compra do Snapchat por parte do Facebook. Agora, o chefão do Facebook acredita que é possível encontrar um equilíbrio, e, em alguns momentos, não usar a identidade real pode ser favorável para as pessoas.

Talvez seja, ou talvez não. Mas o fato é que o Facebook, que sempre apostou em ser o seu RG digital, a forma como você se apresenta na internet, agora já pensa de outra maneira e abre os braços para o anonimato. Como serão esses apps, não sabemos – esperamos conhecê-los nos próximos meses. O Paper, anunciado ontem, deve ser apenas o primeiro de um pacote de apps do Facebook para aumentar a sua presença no mundo mobile. [Bloomberg Businessweek via BusinessInsider]