O Google não quer ficar para trás e anunciou o Google Fit, um serviço de monitoramento de atividades físicas parecido com o Healthkit da Apple.

O Google Fit funcionará meio que como um hub para todas as informações sobre a sua saúde. Ele terá uma API aberta para receber esses dados de outros apps – cabe aos desenvolvedores usá-la. Dessa forma, você terá um jeito mais fácil de você acessar dados de pedômetro, batimentos cardíacos, calorias ingeridas e mais.

ijbxnu4brijfyfv8elhh

Aparentemente, para empresas de tecnologia, chegamos a um ponto em que visitas periódicas ao médico ficaram no passado. Nós podemos medir todas as informações importantes da nossa saúde por conta própria – e o Google tem as ferramentas para isso. Sundar Pichai, chefe do Android no Google, diz à Businessweek:

Pichai diz que é “loucura” que as pessoas visitem seus médicos no máximo uma vez por ano para medirem frequência cardíaca e pressão arterial. “Você, obviamente, precisa medir esse tipo de coisa muito mais vezes e, em seguida, aplicar mais inteligência nisso”, diz ele.

Alguns desenvolvedores já embarcaram na plataforma Google Fit, como Nike, Basis, RunKeeper e Withings. O kit de desenvolvimento de software será disponibilizado nas próximas semanas, mas o lançamento para o público em geral não foi divulgado.

Atualizado às 18h05