A Nielsen divulgou que a venda de smartphones no Brasil cresceu consideravelmente em 2011: em comparação com o ano anterior, 2010, o número deu um salto de 179%. Mas a fatia de celulares espertos no país ainda é pequena — no ano passado, eles representaram 7,5% do total de celulares vendidos.

A Nielsen atribui o crescimento à queda de 33% do preço médio dos smartphones. Os planos pré-pagos agressivos de todas as operadoras, com navegação na internet por centavos, também ajudou — apenas 23% dos aparelhos comercializados foram vendidos no pós-pago. Segundo a Nielsen, o Android teve 61% do mercado nacional em 2011.

Porém, no total de celulares vendidos, eles ainda representam pouco. E a navegação na internet em tais aparelhos ainda é motivo de curiosidade para nós: na navegação móvel pelo Gizmodo, a divisão no último mês foi bem surpreendente:

• Android: 33,58%

• iPad: 33%

• iPhone: 26,7%

• iPod touch: 3,2%

• Symbian: 1,2%

• Windows Phone: 1%

Isso nos deixa com algumas dúvidas: os usuários brasileiros de Android usam pouco o aparelho para navegação? Ou usuários do iOS — incluindo iPads e iPhones — que usam demais a plataforma móvel para nos visitar? [G1]