Chegou ao mundo (ou melhor, nos EUA) o Nook Color, da Barnes & Noble, que pode ser considerado um híbrido de e-reader e tablet. Confira todas as novidades do aparelho.

Hardware

O novo Nook tem uma tela de 7” feita para LG completamente colorida e sensível ao toque, com acelerômetro para orientação em posição retrato e paisagem. Ela tem um revestimento laminado com o intuito de diminuir o excesso de reflexos. A densidade de pixels é boa – se você já leu alguma página no iPad e achou ok, aqui a coisa é ainda melhor, apesar de que é difícil julgar se o revestimento laminado é potente, já que o evento está muito mal iluminado. 

O aparelho pesa em torno de 440 gramas e tem pouco mais de 1 centímetro de espessura. Ele não é fino de forma impressionante, mas o fato de ele ser arredondando nos cantos faz ele parecer maior.

Na parte do armazenamento, o Nook Color terá 8GB de espaço interno e entrada para cartão microSD para expansão. A conexão sem fio será via Wi-Fi, sem versão 3G disponível.

Interface

O Nook é basicamente um tablet com Android focado em leitura, com interface completamente redesenhada em relação ao sistema cru. Na hora da demonstração, foi possível sentir uma sutil lentidão durante o uso, desde navegar pelas capas dos livros até a parte de pinçar para dar zoom. A parte debaixo da interface do Nook Color tem capas de livros ou (revistas) “zapeáveis”, que você facilmente abre no resto da tela com um clique para ler ou compartilhar com seus amigos online. O sistema de visualização da biblioteca categoriza o conteúdo em arquivos customizáveis (coloque classificação apenas em jornais num deles, por exemplo), além de juntar documentos pessoais e arquivos PDF também.

Conteúdo

• Suporte aos 2 milhões de livros disponíveis na Barnes & Noble

• O serviço Pandora já virá instalado

• Acesso ao Facebook

• Revistas da editora Conde Nast e Hearst inclusas

• Primeiro aparelho a oferecer mais de 100 revistas e jornais coloridos (edições individuais ou assinaturas), incluindo grandes nomes como The Wall Street Jornal, The New York Times, Rolling Stone e Elle

• Os representantes da B&N estão confiantes em criar um ecossistema de desenvolvedores para encher o Nook Color de aplicativos

• Músicas, tanto no espaço interno quanto via streaming, poderão ser ouvidas durante a leitura

• Aplicativos que rodam no Android terão “caminho fácil” após uma otimização para a tela de 7”, disse um representante do Nook, mas não haverá acesso ao Android Marketplace

• O Nook Color rodará “a maioria” dos formatos de vídeo atuais, fora o Flash

• Surge a leitura "contínua", que permite que o usuário pare de ler o livro no Nook e continua da mesma página que terminou em qualquer plataforma que o Nook tenha um aplicativo, como Android ou iOS

      

O sistema “Nook Friends” permite que os leitores compartilhem suas ideias sobre qualquer leitura em várias redes sociais, incluindo Facebook e Twitter. Será possível postar a frase mais marcante do livro que você está lendo, por exemplo.

E o “Nook Kids” lerá livros infantis selecionados para crianças, com a ajuda de narrações de profissionais.

Preço e Disponibilidade

• 250 dólares

• Disponível nos EUA a partir de 19 de novembro

• E, claro, nenhuma previsão de chega no Brasil, já que a B&N sequer existe no país.