Alguns talvez considerem a atitude um sacrilégio, tal qual a mudança da fórmula clássica da Coca-Cola nos anos 1980. Mas depois de 98 anos, a Converse está atualizando o icônico Chuck Taylor All Star – ou apenas All Star para nós, brasileiros. Por fora, ele é praticamente idêntico ao original; mas por dentro, o Chuck II é muito mais confortável para os seus pés.

>>> 40 anos dos tênis mais icônicos criados pela Nike

Antes de você se irritar com a tecnologia da Nike invadindo o seu All Star clássico, é importante lembrar que a Nike comprou a Converse há alguns anos, em 2003, depois que a empresa declarou falência. Então, sem essa compra, os tênis que você usou durante boa parte da sua adolescência sequer existiriam hoje.

Por sorte, a Nike não mexeu muito no design do calçado desde essa compra. E além disso, o Chuck II soa como o melhor dos dois mundos: o estilo clássico da Converse somado à tecnologia avançada da Nike.

1353548300619709736

A maior novidade do Chuck II (o nome oficial do modelo) é a inclusão de um material chamado Lunarlon. Desenvolvido pela Nike, o produto é uma espuma leve e elástica que a companhia já usa em seus tênis de corrida e basquete, e que agora será incorporado na sola de borracha do Chuck II.

Você provavelmente vai continuar a não querer correr ou jogar basquete quando estiver com um desses, mas o Chuck II deve permanecer confortável depois de um longo período de uso.

1353548300676504616

Há também algumas pequenas mudanças estéticas presentes no Chuck II, incluindo uma lingueta não escorregadia e um forro de camurça perfurado — visível na imagem acima — que ajuda na respiração. Traduzindo: os seus pés não vão suar e feder tanto quanto antes.

Mas no geral, será bem difícil para a maioria das pessoas reconhecerem as diferenças entre o original e a nova versão — exceto pelo preço. As versões de cano baixo e de cano alto do Chuck II serão vendidas por US$ 15 a mais que as versões originais — US$ 75 e US$ 70, respectivamente.

Os primeiros modelos chegam ao mercado americano na próxima terça-feira (28) nas cores preta, vermelha, azul e branca. No Brasil, o tênis estará disponível a partir do dia 1 de setembro. [Converse via Bloomberg Business]

[Atualizado em 28 de julho, às 17:00]