A Apple perdeu um processo sobre os direitos de uso do termo “iPad” na China, e agora seu tablet superpopular pode estar no processo de ser retirado das lojas chinesas.Segundo relatos, o Ministério da Indústria e Comércio da China está confiscando iPads encontrados à venda. Mas aparentemente a coisa é só para inglês (ou chinês) ver, e as lojas estão vendendo iPads para as pessoas que pedem especificamente por eles.A pendenga judicial começou quando a Apple processou a Proview Technology Sehenzen (da China) sobre o uso do nome — ainda que a filial de Hong Kong tivesse vendido os direitos para a Apple em 2009. Apesar de a lógica favorecer a Apple na resolução deste disputa, é difícil não dar uma risadinha ao ver a Apple levar uma na cara em um processo judicial que ela mesma começou. [XinhuaHebei Youth Daily via DigiCha]