Não esperava ouvir isto hoje: Steve Ballmer dizendo que o lançamento do Windows 7 possa ser igual à terrível estreia do Vista:

"O feedback dos testes (do Windows 7) foi bom, mas o feedback dos testes do Vista foi bom", disse Ballmer, 53, em uma entrevista semana passada. "Estou otimista, mas é ver para crer."

Vamos recapitular: este é o Steve "vou matar o Google" Ballmer, o CEO da Microsoft. Admitindo que o Windows 7 pode explodir na nossa cara que nem o Vista.

Mas sejamos justos: a chance disso acontecer é muito pequena. O Windows 7 não é um salto enorme em relação ao antecessor, como o Vista foi para o XP, então a maior parte das coisas funciona mais ou menos igual. Na verdade, o W7 roda melhor que o Vista na maioria dos computadores. E todos os envolvidos parecem estar cooperando: fabricantes de PCs estão mesmo preparados; não tem mais etiquetas enganosas de versão; os drivers, grande problema da última vez, funcionam direito, e a Nvidia (responsável por 30% dos travamentos do Vista em 2007) e a ATI já lançaram drivers pro Windows 7 há meses. E, bem, o Windows 7 por si só é muito bom.

Tenha fé, Steve! Desta vez a coisa anda. [Bloomberg via ZDNet]