A internet está cheia de imagens sendo compartilhadas como verdadeiras, mas que na verdade são montagens. Só não diga que elas são “photoshop”, ou a Adobe não vai gostar.

>>> Estudo brasileiro mostra como é fácil enganar pessoas com imagens modificadas

A Adobe tem uma seção inteira no site deles para avisar que você não deveria usar a marca Photoshop® como verbo ou substantivo em hipótese alguma.

“Marcas registradas são adjetivos, e devem ser seguidos pelos termos genéricos que descrevem”, diz a empresa. Ou seja, você não usa o Photoshop, você usa o software Adobe® Photoshop®.

E jamais cogite usar o termo “photoshopar”, ou os advogados da Adobe vão espumar pela boca. O correto é “melhorar imagens usando o software Adobe® Photoshop®” – não se esqueça de pronunciar o ® (marca registrada).

As recomendações acabam trazendo uma espécie de humor involuntário. Por exemplo, neste trecho:

Sempre use marcas registradas em sua forma correta, com inicial em maiúscula.

Correto: A imagem foi melhorada com o software Adobe® Photoshop® Elements.
Incorreto: A imagem foi photoshopada.
Incorreto: A imagem foi Photoshopada.
Incorreto: A imagem foi Adobe® Photoshopada.

Quem diz “A imagem foi Adobe® Photoshopada”? Talvez a mesma pessoa que diria “a imagem foi Adobe® Photoshop® Elements-ada”.

Por que a Adobe está tão preocupada com isso? A empresa explica em um material para a imprensa: basicamente, ela quer proteger sua marca registrada, então “photoshop” não pode virar sinônimo de “imagem editada”.

Marcas registradas ajudam a proteger identidades corporativas e de produtos, e Photoshop é uma das marcas mais valiosas da Adobe. Enquanto é lisonjeiro ter chegado ao ponto em que o nome Photoshop se tornou tão amplamente usado, muitas vezes ele é mal utilizado de várias maneiras. Por exemplo, vimos exemplos recentes que se referem a uma imagem que foi “photoshopada”… Agradecemos por você seguir estas orientações e ajudar a Adobe a proteger a marca Photoshop.

Empresas tentam evitar que o nome de seus produtos virem marcas genéricas. A Xerox fez uma campanha para educar o público a usar o termo “fotocopiar” em vez de “xerocar”; e o Google avisou em 2006 que você só deve usar o termo “googlar” quando estiver realizando uma busca em Google.com – não fazendo qualquer busca na internet.

A Apple foi mais longe, registrando a marca “App Store” e processando a Amazon em 2011 por usar o termo para descrever sua própria loja de apps. A Amazon se defendeu nos tribunais, e a Microsoft se envolveu fazendo uma objeção formal à marca registrada. Em 2013, a Apple desistiu de defender o termo “app store”.

Enquanto isso, a tentativa da Adobe é simplesmente estranha – e, em última análise, ineficaz. Como explica o io9:

Isso não é útil. Ninguém nunca falou assim. Simplesmente não é assim que a linguagem funciona. Se você olha para uma imagem viral mal manipulada e diz: “parece que isso foi melhorado usando o software Adobe® Photoshop®” em vez de “isso parece photoshop”, as pessoas iriam olhar para você de forma estranha. Ou perguntar se você trabalha na Adobe e, depois, olhar para você de forma estranha.

Não só o policiamento da linguagem não funciona, como ele tem algo de maligno. E ele é ineficaz: você seria persuadido por materiais promocionais escritos assim?

Provavelmente não. Abaixo, seguem todas as recomendações da Adobe para o “uso adequado de marca registrada”. Se você é um photoshopper usa o software Adobe® Photoshop® para manipular imagens como um hobby, melhor ficar atento.

Marcas registradas não são verbos.

Correto: A imagem foi melhorada usando o software Adobe® Photoshop®.
Incorreto: A imagem foi photoshopada.

Marcas registradas não são substantivos.

Correto: A imagem ridiculariza o senador.
Incorreto: O photoshop ridiculariza o senador.

Sempre use marcas registradas em sua forma correta, com inicial em maiúscula.

Correto: A imagem foi melhorada com o software Adobe® Photoshop® Elements.
Incorreto: A imagem foi photoshopada.
Incorreto: A imagem foi Photoshopada.
Incorreto: A imagem foi Adobe® Photoshopada.

Marcas registradas nunca devem ser usada como gírias.

Correto: Aqueles que usam o software Adobe® Photoshop® para manipular imagens como um hobby veem seu trabalho como uma forma de arte.
Incorreto: Um photoshopper vê o seu hobby como uma forma de arte.
Incorreto: Meu hobby é photoshopar.

Marcas registradas nunca devem ser usadas na forma possessiva.

Correto: Os novos recursos no software Adobe® Photoshop® são impressionantes.
Incorreto: Os novos recursos do Photoshop são impressionantes.

Marcas registradas são adjetivos, e devem ser seguidos pelos termos genéricos que descrevem.

Correto: A imagem foi manipulada usando o software Adobe® Photoshop®.
Incorreto: A imagem foi manipulada usando Photoshop.

Marcas registradas não devem ser abreviadas.

Correto: Dê uma olhada nos novos recursos no software Adobe® Photoshop®.
Incorreto: Dê uma olhada nos novos recursos do PS.

[Adobe via @SwiftOnSecurity]

Foto por Anthony Ryan/Flickr