Em 2014, a Amazon lançou um produto futurista na forma de uma torre cilíndrica: o Echo é um alto-falante inteligente que ouve seus comandos de voz. Ele vem recebendo inúmeros recursos e, esta semana, ganhou dois irmãos menores – conheça o Echo Dot e Amazon Tap.

Para recapitular: o Amazon Echo usa “reconhecimento de fala de campo distante” para entender seus comandos. Diga “Alexa” – nome da assistente pessoal – e pergunte a previsão do tempo, peça para tocar música, aumentar o volume ou trazer as últimas notícias. E, claro, você pode adicionar itens a uma lista para comprá-los depois na Amazon.



Desde seu lançamento, o Echo foi ficando mais inteligente. Ele permite fazer streaming do Spotify, chamar um carro do Uber, ou pedir pizza da Domino’s. Ele também pode receber comandos para ativar receitas do IFTTT, ler livros da sua biblioteca do Kindle, e até controlar dispositivos de casa inteligente, como lâmpadas e portas de garagem.

amazon echo dot tap (2)

Agora, ele ganhou duas versões menores. O Echo Dot parece um disco de hóquei. Ele pode ser conectado aos alto-falantes da sua casa via Bluetooth ou por cabo de áudio. Ele tem som, mas é mais silencioso, adequado para uso como um despertador inteligente de cabeceira.

O Dot foi criado, em parte, porque a Amazon descobriu que os clientes adoravam seus alto-falantes e queriam usá-los em conjunto com a tecnologia da Alexa.

O Echo Dot é tão compacto que a Amazon prevê/espera que os consumidores queiram espalhá-los por toda a casa, usando cada ponto para controlar a iluminação, temperatura e outros recursos de casa inteligente. Claro, há suporte aqui a todos os recursos do Echo, incluindo tocar música, configurar alarmes/timers e criar listas de tarefas.

Ele usa o mesmo reconhecimento de voz de “campo distante” presente no Echo original, por isso consegue ouvir comandos a até 8 m de distância em ambientes ruidosos. Também temos aqui o mesmo anel de luz colorida que lhe permite saber quando ele está respondendo.

Para comprar o Dot, que custa US$ 90, é preciso ser assinante do Amazon Prime e usar a própria assistente Alexa em outro dispositivo – em um Echo ou na Amazon Fire TV. Você precisa dizer “Alexa, compre um Echo Dot”. (Encontraram, no entanto, um jeitinho de comprá-lo na web e no iOS.)

amazon echo dot tap (3)

Enquanto isso, o Amazon Tap é uma versão portátil do Echo. É um alto-falante com Bluetooth e Wi-Fi que oferece som Dolby em 360 graus, mais todas as habilidades de controle de voz que a Alexa tem. Ele não escuta você constantemente: é preciso tocar nele (daí o nome “Tap”) e dizer o comando.

Ao contrário do Echo e Echo Dot, o Amazon Tap não precisa ficar conectado à tomada. Ele tem bateria que dura até nove horas, pesa 470 gramas, e vem com um dock de carregamento que se encaixa perfeitamente em torno da base.

O Amazon Tap é comparado pela empresa a outros alto-falantes Bluetooth da JBL e Bose que funcionam a bateria. Mas, ao contrário da concorrência, ele tem som Dolby, conectividade Wi-Fi e recebe comandos da Alexa.

O Amazon Tap está em pré-venda por US$ 130, e será entregue em 31 de março.

Desde o início, o Amazon Echo era um produto surpreendente; mas por US$ 180, ele sempre foi algo “bacana” do que realmente “necessário”. Estes novos produtos, no entanto, são mais acessíveis e podem chegar a ainda mais pessoas.

[Echo Dot | Amazon Tap]