A Amazon agora tem dois quiosques para vender seu leitor de e-book Kindle no Brasil, e planeja abrir ainda mais nas próximas semanas. Esta é uma iniciativa rara para a Amazon – mesmo que os quiosques não sejam propriamente seus.

Um dos quiosques está no Shopping Morumbi, em São Paulo, e o outro no Barra Shopping, no Rio de Janeiro. O Shopping Iguatemi, em São Paulo, deve ser o próximo a receber uma unidade no próximo dia 24. Eles vendem o e-reader por R$ 299, além de acessórios para o dispositivo.

A iniciativa de abrir os quiosques não veio da Amazon. A Superfone, empresa especializada em venda online de telefones celulares, procurou a Amazon com essa ideia, e assim firmou-se a parceria. Os quiosques exibem com proeminência as marcas Amazon e Kindle, e só vendem o leitor de e-books, sem mesmo expor outros produtos.

Mas as vendas começaram devagar: em um dia e meio de operação, apenas quatro Kindles e quatro capas foram vendidas na unidade em São Paulo, segundo o PublishNews. O objetivo é vender 50 aparelhos por dia.

Quiosque do Kindle

Mesmo assim, isso é diferente do que a Amazon costuma fazer: eles vendem Kindles em lojas físicas, mas sem fechar parcerias para criar espaços exclusivos. Na verdade, a empresa já rejeitou essa ideia antes, pelo menos para os EUA: o executivo Tom Szkutak disse em outubro que lojas físicas próprias, mesmo que temporárias, “não movem muito nossos negócios”.

O CEO Jeff Bezos, no entanto, afirmou em novembro que adoraria abrir uma loja física e expandir a Amazon para além da internet. No entanto, ainda não apareceu algo do tipo nos EUA – nem em forma de quiosque.

No Brasil, os quiosques são um experimento que talvez ajude a projetar o Kindle e a marca Amazon para os consumidores. Afinal, o Kindle começou a ser vendido no fim do ano passado mas ainda está em poucos lugares: além dos dois novos quiosques, apenas a Livraria da Vila, em São Paulo, e a loja online do Ponto Frio possuem o e-reader – e ele não deve chegar a outras lojas antes de fevereiro. [PublishNews e Valor Econômico; valeu, @clederperez!]

Quiosque do Kindle

Fotos por PublishNews