O Google apresentou durante a conferência Google I/O o Android Auto. É um sistema que usa seu smartphone Android como cérebro para navegar, ouvir música e fazer várias outras coisas no carro. Em outras palavras, seu próximo carro pode ser um acessório para Android.

Basicamente, com o Android Auto, os apps e recursos do seu smartphone são exibidos no painel de controle do carro:

t4qkt4kicsytuyawpb13

Ele leva toda a sua coleção de músicas para o seu carro, e mostra botões grandes e simples na touchscreen do painel de controle para usar o Google Maps. E, o mais importante: ele recebe comandos por voz, então basta dizer para onde você quer ir, e ele abre a navegação curva a curva – nem precisa tirar as mãos do volante.

783873459856358216 s2oa7tu99jxjwkawq6av

Você também pode definir lembretes através da voz: “lembre-me de ligar para Fulano quando eu chegar em casa”. Isso será sincronizado com seu celular, e ele exibirá o aviso mesmo que você esteja fora do carro.

Além disso, o Android Auto pode ler suas mensagens de texto recebidas enquanto você dirige, e permite ditar as respostas. Isso, acredito, é bem mais seguro do que digitar na tela do seu smartphone enquanto ele está no seu colo.

Ele foi criado a partir da Open Automotive Alliance, um projeto do Google com montadoras como Audi, General Motors, Honda e Hyundai, além da Nvidia. Anunciada em janeiro, a Open Automotive Alliance tinha como missão “acelerar a inovação com uma abordagem que ofereça abertura, personalização e escala”. Em outras palavras, permitir que eletrônicos dentro do carro se comuniquem com dispositivos com Android, dando a motoristas controle para abrir dispositivos com segurança e sem distrações.

Esses recursos serão integrados ao novo Android L, ou seja: estarão disponíveis ainda neste ano. O Google diz que os primeiros carros com suporte ao Android Auto serão apresentados nos próximos meses.

jyzxzdibylauzdjos4e7

O Google não é a primeira empresa a se aventurar no painel de controle: o CarPlay da Apple, anunciado em março e demonstrado na Geneva Motor Show, usa a mesma técnica, aproveitando o smartphone do motorista para acionar o entretenimento e painel de controle do carro. Montadoras como Ferrari, Mercedes-Benz, Volvo, Nissan, Jaguar/Land Rover/BMW e General Motors já anunciaram suporte ao CarPlay.

Sim, isso significa que, em breve, a GM terá carros com suporte a iOS e Android — como se escolher a cor do carro já não fosse uma decisão difícil o bastante.

Atualizado às 16h55