Suspeitávamos que o Google anunciaria um novo sistema de pagamentos na I/O, e estávamos certos.

O Android Pay é uma API que permite a consumidores fazer pagamentos por cartão de crédito diretamente de um app no Android. Para usá-lo, é só desbloquear o celular, posicioná-lo em frente a um terminal de pagamento e pronto! A transação é feita. É criada uma conta virtual; o seu número de cartão de crédito não é compartilhado com a loja.

O Android Pay será usado em parceria com mais de 700.000 lojas nos EUA, incluindo Best Buy, Gamespot, Macy’s, Bloomingdale’s, Whole Food, McDonald’s e Subway. O Google diz que ele funcionará com os principais cartões de crédito (Visa, American Express, Discover e MasterCard) e com as principais operadoras de telefonia (AT&T, Verizon e T Mobile).

Ele também se integrará a outros aplicativos, como Groupon e Grubhub, que oferecerão o Android Pay como opção de pagamento para usuários que fazem compras in-app.

Este anúncio já era bastante esperado: no começo do ano, o Google comprou a empresa de pagamentos móveis Softcard, e corriam rumores de um Google Wallet remodelado. Sistemas de pagamentos digitais ficam cada vez mais populares para indivíduos e empresas, que também querem oferecer essa opção aos consumidores.

Os pagamentos digitais são um assunto quente entre empresas de tecnologia: o Android Pay segue o Apple Pay e Samsung Pay; e até o Facebook permite que transferências sejam feitas entre usuários. O Android Pay é o mais recente sistema no que promete mudar a forma como fazemos pagamentos.

O Android Pay estará disponível para download em breve e funcionará com todos os dispositivos Android com NFC.

Atualizado às 15h24