O Xiaomi Redmi 2 foi o primeiro smartphone que a empresa chinesa lançou ao chegar ao Brasil no ano passado, e agora está ganhando um sucessor na China, o Redmi 3.

Com corpo metálico, o Redmi 3 conta com uma bateria monstruosa de 4.100 mAh, além de uma tela de 5 polegadas 720p, processador Qualcomm Snapdragon 616 octa-core e 2GB de RAM. Ele conta com 16GB de armazenamento interno, expansível para 128GB via cartão microSD.

redmi3-2

Como de costume, ele roda a interface própria da Xiaomi, a MIUI 7. A câmera traseira agora tem 13 megapixels com autofoco rápido, e a frontal tem 5 megapixels.

A bateria é um dos pontos que a Xiaomi destaca no dispositivo – ela diz que, além de ser enorme, a MIUI 7 tem otimizações que aumentam sua autonomia em 25%. Vamos precisar esperar os primeiros reviews para ver quanto isso significa na prática, mas é animador ver uma empresa colocar uma bateria tão grande em um smartphone de entrada.

Por enquanto, o Redmi 3 só será vendido na China e ainda não há previsão para lançamento em outras partes do mundo. Quem sabe nos próximos meses ele chegue também ao Brasil.

[The Next Web]