Os rumores de que a Apple prepara um relógio de pulso inteligente circulam há algum tempo, mas agora ganharam força: a empresa registrou a marca iWatch em pelo menos sete países diferentes.

A marca foi registrada no México, Taiwan, Turquia, Chile e Colômbia, além da Rússia e Japão. Em todos os países, o pedido foi feito no mês de junho, como descobriram 9to5Mac e MacRumors.

E parece que a Apple está bastante ocupada com seu suposto smartwatch: segundo a Bloomberg, há uma equipe de 100 pessoas na empresa trabalhando em um “dispositivo semelhante a um relógio de pulso que pode realizar algumas das tarefas hoje feitas pelo iPhone e iPad”.

Por sua vez, Nick Bilton diz no New York Times que a Apple está experimentando um iWatch feito de vidro curvado, que “opera na plataforma iOS”.

O próprio CEO da Apple, Tim Cook, disse que “o pulso é interessante” para a computação vestível – mais do que os óculos do Google – e mencionou que esta área está “pronta para ser explorada”.

E no Brasil?

iwatch inpi

No site do INPI, ainda não há qualquer pedido feito pela Apple ou parceiros para registrar a marca “iWatch” no Brasil. Mas ficamos curiosos: será que veremos por aqui uma nova disputa na área, assim como no iPad e iPhone?

Provavelmente não. Segundo o INPI, pediu-se registro da marca “I WATCH” três vezes no ano 2000, porém os três processos foram arquivados. Estas são as empresas que entraram com pedido:

  • Watch Co do Brasil Ltda, para relógios em geral, incluindo os de pulso: deferido em 2007, porém arquivado em março de 2008, pois não foi pago o custo de “expedição do certificado de registro e do primeiro decênio de sua vigência”;
  • Watch Co do Brasil Ltda, para “óculos, lentes, armações e outros produtos óticos”: indeferido e arquivado em 2008, após oposição da Swatch;
  • Sunwatch Comércio e Importação Ltda, para importação e exportação de calçados e itens esportivos: indeferido e arquivado em 2006.

A marca “I/WATCH”, por sua vez, foi concedida à Quest Software, que vende software de gerenciamento de TI. A empresa foi adquirida pela Dell há exatamente um ano.

Esta marca se refere à “comercialização de programas de computador de qualquer área gerencial ou não de uma empresa, bem como a consultoria dos serviços prestados”. Isso cabe ao INPI julgar, mas parece algo bem distante de um smartwatch.

Então quando a marca iWatch for registrada por aqui, muito provavelmente a Apple não terá que se preocupar. Esperamos por um novo evento da Apple em agosto ou setembro, quando o relógio inteligente da empresa pode enfim estrear. [9to5Mac, MacRumors, INPI]

Imagem: conceito por Martin Hajek