Artemis 1 chega na Lua e capta Terra no horizonte lunar; veja imagens

Após 50 anos, NASA retorna à Lua com a missão Artemis 1. Espaçonave Orion passou a 130 km da superfície lunar
Artemis 1 chega na Lua e capta Terra no horizonte lunar; veja imagens
Imagem: YouTube/Reprodução

Após cinco dias de viagem, a missão Artemis 1 chegou na Lua. Na manhã desta segunda-feira (21), a espaçonave Orion concluiu com sucesso uma manobra previamente planejada e passou a apenas 130 km da superfície lunar.

De acordo com a NASA, às 9h44 (horário de Brasília) a nave ligou seus motores durante dois minutos e 30 segundos, para aumentar a sua velocidade em quase 940 km/h. Minutos depois, a Orion fez o seu sobrevoo mais próximo sobre a Lua, enquanto viajava a 8.210 km/h.

A manobra foi realizada enquanto a espaçonave estava no lado oculto da Lua, onde não é possível se comunicar com a Terra. Antes da perda do sinal, a nave enviou a imagem abaixo com a Terra “se pondo” no horizonte lunar:

Imagens da Terra e da Lua captadas pela nave Orion, da missão Artemis 1

Esta é a primeira de duas manobras necessárias para que a Orion entre numa órbita retrógrada distante ao redor da Lua — prevista para o próximo dia 25 de novembro.

“Esta órbita é diferente da órbita feita durante o programa Apollo, em que a espaçonave e sua tripulação orbitavam muito mais perto da superfície lunar de uma forma mais circular. A órbita retrógrada distante é importante porque nos ajuda a aprender sobre como uma espaçonave funciona em um ambiente de espaço profundo”, explicou a comentarista da NASA, Sandra Jones, durante a cobertura da chegada da Artemis 1 na Lua.

A expectativa é que a missão Artemis 1 permaneça por cerca de uma semana em órbita da Lua para testar todos os sistemas a bordo da espaçonave. A cobertura da NASA do sobrevoo da Artemis 1 sobre a Lua pode ser vista abaixo na íntegra:

Desde 1972 – durante a Apollo 17 – esta é a primeira vez que a NASA envia uma espaçonave em direção à Lua. A Artemis 1 tem o objetivo de certificar que a Orion está pronta para retomar o envio de astronautas para a superfície lunar, a partir de 2025. A missão também marcou a estreia do SLS (Sistema de Lançamento Espacial), o foguete mais poderoso já lançado pela NASA.

Hemerson Brandão

Hemerson Brandão

Hemerson é jornalista, escreve sobre espaço, tecnologia e, às vezes, sobre outros temas da cultura nerd. Ele também é grande entusiasta de astronomia, interessado em exploração espacial e fã de Star Trek.

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas