A Samsung agora paga à Microsoft pelo privilégio de vender aparelhos com Android. Claro, eles estão chamando isto de “parceria”. E sim, já vimos isto antes: a Microsoft também fez a HTC pagar parte dos lucros por cada dispositivo com Android que eles vendem.

A Microsoft, sentada em uma pilha de patentes que, segundo eles, foram violadas pela plataforma Android do Google, forçaram mais outra fabricante de celulares a lhes pagar dinheiro. Na verdade, só com a HTC e Samsung, eles já ganham mais dinheiro com o Android do que com o Windows Phone 7. O Google, é claro, não gostou disso, dizendo ser uma extorsão e enviando ao TechCrunch o comunicado a seguir:

Esta é a mesma tática que sempre vemos da Microsoft. Não conseguindo ter sucesso no mercado de smartphones, eles estão apelando para medidas judiciais para extorquir lucro das conquistas dos outros, e atrapalhar o ritmo da inovação. Nós permanecemos focados em criar novas tecnologias e em apoiar parceiros do Android.

Claro, a Microsoft está tentando fazer a mesma coisa com a Motorola, agora propriedade do Google, mas a Moto por enquanto conseguiu escapar do conflito. Se a Motorola, que também tem várias patentes (fora as do Google) não ceder, o que acontece depois? Teremos um vencedor na guerra das patentes? Por outro lado, a Samsung vende mais dispositivos Android que qualquer outra fabricante, e nem eles quiseram desafiar a Microsoft, então ficamos no aguardo para ver como a Motorola vai reagir. [MicrosoftTechCrunchAllThingsD]