Um grupo de youtubers com a alcunha de “Exploring the Unbeaten Path” viajou para o meio do nada para dar uma olhada em alguns ônibus espaciais do suspenso programa Buran, da era soviética. Localizada no porto espacial de Baikonur Cosmodrome, no Cazaquistão, a instalação que o grupo teve que invadir estava abandonada, mas a base ainda está ativa.

• A lua Titã, de Saturno, pode ter o ponto de aterrissagem perfeito para espaçonaves
• NASA simula impacto de asteroide na atmosfera a 72 mil quilômetros por hora

Primeira e maior instalação de lançamento espacial do mundo, a Baikonur é uma concessão do governo russo, e todas as missões tripuladas russas ainda são lançadas de lá. As missões comerciais e militares também acontecem lá, e soldados patrulham a área.

Embora os exploradores tenham tido inúmeros sustos, eles conseguiram entrar na instalação e passaram um bom tempo lá. Eles trouxeram de volta várias filmagens dos ônibus espaciais, por dentro e por fora, conseguindo até voar um drone pelo local.

Esses ônibus espaciais são um importante pedaço da história espacial, e seria ótimo vê-los tendo um tratamento melhor. O programa Buran foi o plano de espaçonaves reutilizáveis da Rússia que acabou engolido pelo colapso da União Soviética. Apenas uma missão não tripulada voou durante o programa, e o orbitador foi depois esmagado em um colapso do local. O programa foi suspenso indefinidamente em 1993, e um veículo de teste em ótimas condições está no Technik Museum Speyer.

Dá uma olhada, sem riscos, nesse belo espaço que você provavelmente nunca conseguiria ter invadido.

[Exploring the Unbeaten Path via Digg]