O SSL é usado para criptografar suas comunicações online em tudo, de compras e banco na internet até o Gmail e Facebook. Agora, o Google está integrando a mesma medida de segurança para todas as buscas dos usuários logados. Eis o que lhe espera.

O Google na verdade vem estimulando a adoção de protocolos de segurança há anos, integrando SSL no Gmail no início de 2010 e construindo o site Google SSL Beta alguns meses depois. Nas próximas semanas, o Google vai fazer a transição para o https://google.com, que será carregado automaticamente para todos os usuários logados. Quem não estiver logado pode acessar o site mesmo assim, usando esta mesma URL.

A busca segura basicamente criptografa tanto seu termo de busca como os resultados correspondentes, evitando que outros saibam o que você está fazendo no Google se você usar uma conexão aberta.

E para donos de site que dependem de tráfego vindo de buscas no Google, em vez de saber qual termo foi usado na busca do Google, agora vão obter uma lista dos 1.000 termos mais usados para levar tráfego ao site pelos últimos 30 dias, através do Google Webmaster Tools. O Google com SSL, obviamente, não vai afetar as propagandas nos resultados de busca, e os anunciantes ainda poderão ver termos individuais de busca – provavelmente para adequar melhor seus anúncios. [Google Blog via PC World]