A Canon T4i, lançada no ano passado, é uma câmera excelente. No entanto, por mais que tenha recursos chamativos como touchscreen capacitiva e autofoco enquanto grava vídeo, não havia nada de especial nela.

Uma DSLR para iniciantes não faz muito sentido quando se tem câmeras mirrorless menores que podem alcançar resultados semelhantes. Então a Canon reduziu a T4i: eis sua versão mini, a Canon EOS Rebel SL1.

Canon EOS Rebel SL1 (1)

Com a exceção de sua touchscreen capacitiva que não se inclina, a SL1 é idêntica à T4i. Ela tem o mesmo sensor APS-C de 18 megapixels, o mesmo processador de imagem DIGIC 5, e a mesma gravação de vídeo em 1080p com autofoco contínuo.

O corpo da SL1 pesa apenas 370g, contra a T4i e seus 520g. Quando você segura a câmera nova, dá para sentir como ela é leve. E ela é visivelmente pequena, medindo 117 x 91 x 69,4 mm, contra a T4i e seus 133 x 100 x 79 mm.

Canon EOS Rebel SL1 (3)

Acima temos a comparação de tamanho com a T4i e a câmera mirrorless Canon EOS M lançada no ano passado. Todas estas três câmeras têm o mesmo sensor de imagem e o mesmo processador de imagem.

A Canon SL1 estará disponível no final de abril por US$ 650 (apenas corpo), ou em kit com a nova lente STM 18-55mm. (Ela tem a mesma tecnologia de motor de passo, para um autofoco sem muito ruído, presente na lente da câmera T4i.) É mais barato que uma T4i, mas ainda não é tão barato quanto a minúscula Sony SLT-58, uma DSLR que custa US$600 (lente inclusa).

Canon EOS Rebel SL1 (2)

Mais uma nota: a T4i vai mudar de nome e se chamar T5i (acima). A única diferença é que a T5i será lançada em uma nova opção de kit com a lente STM 18-55mm. O corpo custa US$ 750, o kit 18-55mm custa US$ 900, e o kit com a lente 18-135mm mais longa custa US$ 1100. [Canon EUA]