Gravar comerciais de carros é um trabalho árduo e caríssimo. É preciso lidar com a disponibilidade do veículo, locação e uma série de outros elementos de produção. A empresa de efeitos visuais The Mill criou um chassi ajustável que pode se transformar em qualquer automóvel, utilizando apenas computação gráfica.

O Blackbird é um veículo elétrico construído especialmente para ser modificado. É possível ajustar o comprimento, a altura, trocar as rodas e suspensão, o que permite simular o chassi de praticamente todos os automóveis. Além disso, é possível programá-lo para as características de direção de outros veículos, simulando o comportamento do carro na pista.

blackbird-the-mill

Há uma série de bons motivos para as montadoras usarem o Blackbird: além de baratear a produção do conteúdo de divulgação, é uma maneira de garantir que o comercial represente mais fielmente o produto final, já que as campanhas publicitárias costumam ser feitas antes de o design físico do carro ser finalizado.

O produto também pode ser utilizado para criar experiências em ambientes de realidade virtual, graças à combinação de imagens em HDR e escaneamento 3D do ambiente. [Jalopnik]