O Museu de História Natural de Londres divulgou as fotos da 57ª edição do concurso “Wildlife Photographer of the Year de 2021”, Fotógrafo da Vida Selvagem, em tradução livre. Foram mais de 50 mil inscrições de competidores de 95 países. 

Laurent Ballesta foi o grande vencedor com uma fascinante foto subaquática de garoupas camufladas saindo de suas nuvens de óvulos e espermatozoides em Fakarava, na Polinésia Francesa.

Durante cinco anos, Laurent e sua equipe voltaram a esta lagoa, mergulhando dia e noite para ver a desova anual das garoupas. Depois de escurecer, juntaram-se a eles tubarões  que caçavam os peixes. Esse evento magnífico ocorre por volta da lua cheia em julho, quando até 20 mil peixes se reúnem em um canal estreito ao sul da cidade, que liga a lagoa ao oceano. 

Em outros lugares a pesca descontrolada durante essas grandes concentrações ameaça a espécie, mas na Polinésia Francesa os peixes se beneficiam da proteção de uma reserva da biosfera do UNESCO. Todos os anos Laurent e sua equipe mergulham nesta época para não perder a desova.

Reserva da Biosfera Fakarava, França Foto: UNESCO

O mergulhador disse em entrevista ao France Culture que a biodiversidade é como um iceberg, tudo que pensamos conhecer, que achamos fascinante, é minúsculo. “Quanto mais mergulho, mais meço a extensão da minha ignorância dessas profundezas”.

Foto: Caroline-Ballesta / Laurent Ballesta

Laurent é autor de 13 livros de fotografia sobre a vida  subaquática e lidera grandes expedições há 10 anos. Seu objetivo é apresentar ao mundo a visa embaixo da água, seja através das primeiras fotos de um peixe celacanto tiradas a 120 metros de profundidade, 700 tubarões de Fakarava caçando à noite, ou o mergulho mais profundo e longo da Antártica.

 

Assine a newsletter do Gizmodo

Esses são outros trabalhos do fotógrafo mergulhador:

Foto: Laurent Ballesta / Reprodução Museu de História Natural
Foto: Laurent Ballesta / Reprodução Museu de História Natural
Foto: Laurent Ballesta / Reprodução Museu de História Natural
Foto: Laurent Ballesta / Reprodução Museu de História Natural