O ideal é que qualquer busca simples no Google te traga exatamente os resultados que você precisa. Mas quando isso não acontece, há várias maneiras de melhorar a sua busca para ajudar a encontrar resultados mais relevantes.

Todos nós (quer dizer, nem todos – mas a maioria) adoramos o Google, mas ele pode não ser a melhor ferramenta de busca para tudo. As informações a seguir se concentram bastante no Google, mas também cobriremos outros serviços de busca que servem melhor para alguns casos. Se você não está conseguindo os resultados que deseja no Google, às vezes a melhor dica pode ser usar outra ferramenta.

Crie um termo de busca efetivo

Por mais que tentem, o Google (e os outros serviços de busca) não fala a linguagem dos humanos. Se você digitar uma pergunta da mesma forma que faria a uma pessoa, provavelmente não conseguirá os melhores resultados. Felizmente, há alguns truques que você pode usar para aprender qual a melhor coisa a digitar naquele campo para encontrar o que você quer.

Não use palavras que você não precisa
Não busque frases inteiras ou faça perguntas inteiras. Busque pelas palavras mais importantes relacionadas ao que você quer. O Google simplesmente ignora certas palavras se ele sabe que são comuns e irrelevantes, mas esse pode não ser o caso com outras ferramentas de busca. De qualquer forma, assim você no mínimo economiza algum tempo de digitação. É só deixar de fora tudo o que você não precisa. Por exemplo: em vez de procurar por “dimensões e peso do novo MacBook Air de 2010”, use “MacBook Air 2010 dimensões peso”.

Use o operador AROUND()
Por padrão, o Google procura os termos da sua pesquisa em qualquer lugar da página, e eles não necessariamente precisam estar perto um do outro. Isso é frustrante em alguns casos, como se por exemplo você estivesse buscando por algo chamado Idol White, e o Google retornasse várias páginas que citam o cantor Billy Idol e depois a sua música White Wedding. (Acontece o tempo todo comigo, com vocês não?). Aí você tem a conhecida dica de colocar duas palavras entre aspas para que o Google mostre apenas páginas em que elas apareçam juntas, como você escreveu, mas aí você fica restrito à ordem em que escreveu. Se você procurar “Carlos Roberto”, entre aspas, nunca vai encontrar Roberto Carlos. É aí que entra o operador AROUND(). Ele permite que você procure por páginas em que dois termos estejam próximos um do outro, mas não necessariamente juntos ou em uma determinada ordem. Você pode procurar por “dentes AROUND(2) brancos” para encontrar páginas onde as palavras dentes e brancos estejam próximas uma da outra. O número entre parênteses é a distância máxima de palavras entre as duas. Um número baixo significa que elas precisam estar bem próximas, enquanto um número alto permite que elas estejam mais distantes.

Elimine termos que você não quer e force termos que você quer
Quer eliminar algo dos seus resultados? É só usar um hífen antes dos termos que você não quer. Por exemplo: se você procurar “geladeira -submarino”, você vai estar assegurando que nenhuma página do Submarino apareça na sua busca. Da mesma forma, se você quiser ter certeza que uma palavra vai aparecer nos resultados, coloque um + antes dela.

Você pode procurar por opções diferentes usando o operador OU. Por exemplo: se você quer um chapéu azul ou preto, pode procurar por “chapéu (azul OU preto)”. Esta busca vai garantir resultados sobre chapéus, mas vai permitir que eles variem entre chapéus azuis ou pretos.

Busque apenas em títulos
Se você quer limitar a sua busca aos títulos das páginas (aquilo que aparece no topo da janela, ou na aba), o Google consegue fazer isso se você usar “allintitle:” antes do seu termo, sem espaço. No Bing ou Yahoo, você faz a mesma coisa usando apenas “title:”.

Busque um arquivo
Talvez você não esteja procurando por uma página, mas sim por um tipo específico de arquivo. Você pode restringir a sua busca nesse sentido digitando “filetype:” seguido da extensão desejada. Por exemplo: se você está procurando uma apresentação de slides, pode usar “filetype:ppt”.

Busca específica de um site
Às vezes você está procurando aquele texto que você tem certeza de ter visto em um determinado site, mas não consegue lembrar exatamente o nome. Nesse caso, você pode adicionar site:nome.do.site junto à sua busca para limitar os resultados àquele domínio. Tente aí, para ver na prática como funciona: “Campus Party site:gizmodo.com.br“. Essa dica funciona da mesma forma no Yahoo e no Bing.

Para quando você quer respostas rápidas e específicas

A maioria dos mecanismos de busca vai tentar te dar respostas quando você fizer perguntas específicas ou digitar dados que ele possa detectar baseado em um determinado formato. Digite “What time is it in Los Angeles?” (isso só funciona em inglês, no Google.com) e o resultado será simplesmente o horário local de Los Angeles. Este é apenas um dos muitos tipos de dados que você pode colocar no Google para conseguir respostas diretas. Para mais algumas dicas como estas, veja o post Top 10 Obscure Google Search Tricks.

Tanto o Google quanto o Bing oferecem esse tipo de respostas, mas o Duck Duck Go é um serviço de busca dedicado a esse tipo de resultado. Ele sempre tenta te dar uma resposta concreta além da lista de páginas onde você vai procurar a sua resposta. Naturalmente, você precisa buscar em inglês nele. Veja alguns exemplos:

* Usar “age” pode te dizer a idade de alguém. Por exemplo: “age of Obama”.
* Quer saber quantas calorias há em dois ovos? Busque por “calories in 2 eggs“. De fato, o “calories in” pode ser usado com a maioria dos alimentos básicos.
* Quer saber quanto pesa alguma coisa? Use “weight”. Por exemplo: “weight of an apple“.
* Precisa de um número aleatório? Digite “rand” depois a faixa de números. Tipo “rand 1 100“.
* Quer procurar na Wikipedia? Digite “Wikipedia” junto com os seus termos e aparecerá um trecho do artigo apropriado.

Estes são apenas alguns dos exemplos de buscas que você pode fazer com o Duck Duck Go para pegar informações rápidas sem precisar ir a outro site. Aqui há mais exemplos. Além do Duck Duck Go, o WolframAlpha é uma ferramenta excelente para conseguir respostas concretas a tipos específicos de perguntas. A parte ruim é que ele não traz uma lista de onde você possa expandir a pesquisa. Mas nós descobrimos um monte de coisas legais que você pode perguntar para ele.

Transforme buscas frequentes em Feeds RSS

Se você frequentemente faz uma busca igual, você pode transformar essa busca em um Feed, assiná-lo e receber novos resultados automaticamente. Isso te poupa de ter que procurar resultados novos desde a sua última busca. O Google permite a transformação de buscas em feeds RSS usando o Google Alerts. No Bing, você precisa pegar a URL resultante da sua busca e adicionar &format=rss ao final dela.

* * *

Ficou faltando alguma dica que você costuma usar? Compartilhe aí com a gente pelos comentários!