Sim, domingo é Dia dos Namorados e tal, todos felizes. Mas há algo tão comum quando pombinhos apaixonados trocando presentes: o fim de um relacionamento. E terminar é uma droga. É doloroso, complicado, e faz com que você escute MP3s deprimentes. E a tecnologia – Facebook, mensagens de texto, e-mail – só tornam as coisas mais complicadas. Então como você supera um coração partido no século 21? Nós falamos com alguns especialistas para descobrir.

 

Como você deve responder a uma mensagem de “Nós precisamos conversar”?



“Nós precisamos conversar” são três palavras assustadoras, talvez perdendo apenas para “Você vai morrer”. Então o que fazer quando você recebe uma mensagem de texto com essa frase sinistra? Como Annie Fox, autora do The Teen Survival Guide to Dating and Relating coloca, “Então, o que fazer agora? Responder a mensagem? Não. A essa altura você está claramente prestes a levar um pé na bunda – então leve isso para fora do domínio virtual e ao menos faça as coisas direito. Pré-adolescentes terminam via mensagem de texto – você não.” “A resposta adulta para “Nós precisamos conversar,” explica John Bridges, autor de How to Be a Gentleman: A Timely Guide to Timeless Manners, é “me liga” ou “eu te ligo”, seguido de uma conversa madura por telefone.” Então irá doer. Sim, não dá para evitar. Mas seja macho – ou mulher, tanto faz – e encare essa horrível experiência de cabeça erguida.

 

Quando mudar o status de relacionamento no Facebook?

Ao invés de ficar se perguntando quando revelar sua solteirice para o mundo, nós recomendamos que você evite a questão completamente sendo furtivo. Quando você estiver pronto para puxar o gatilho, mude a configuração de privacidade de seu status de relacionamento para “Somente eu”. Então, mude o status, seja para se marcar como solteiro, divorciado ou simplesmente nada. Espere um dia, mude as configurações de privacidade para como estava antes, e magicamente você evita que a sua triste história caia no Feed de Notícias.

 

O que fazer com as fotos digitais de vocês dois juntos?

Vocês passaram alguns meses juntos. Talvez alguns anos. De qualquer maneira, você deve ter acumulado um grande número de JPEGs felizes: De braços dados, se divertindo, bebendo, rindo, se beijando – basicamente, coisas que agora são partes de um pesadelo. Então o que você deve fazer com todos esses vestígios de você apaixonado?

Como muitas dessas fotos podem incluir memórias que você queira recordar muito depois das dores do fim do relacionamento passarem – férias para lugares legais que você pode nunca mais voltar – nós não recomendamos que você delete. Guarde. Essas. Fotos. Copie-as para um HD externo, coloque esse Disco Rígido em uma caixa. Coloque essa caixa no fundo de uma gaveta. Só volte a olhar isso depois. Quão depois? Depois estilo “cápsula do tempo”, quando você já tiver esquecido que aquilo existe.

 

E as suas fotos online taggeadas?

Seu disco rígido não é o único receptáculo de memórias visuais dolorosas. As pessoas adoram taggear casais no Facebook ou Orkut. (Nota relacionada: Argh!) Elas adoram deixar comentários tipo “Vocês dois são os mais fofos!” ou “Meu casal favorito!” Essas podem não ser as imagens às quais você quer se expor agora. Compreensivelmente. Mas diferente de deletar todas as imagens no seu computador, untaggear imagens no Facebook é um assunto público – como todo o resto no Facebook. Você pode mudar suas configurações de privacidade para álbuns individuais para escondê-los de todo mundo menos você. Mas o cerne da questão é que você estaria deletando sua própria persona pública tanto quanto estaria deletando sua ex, então você deve prosseguir com cautela.

Mas se as coisas acabaram muito feias, você provavelmente vai querer traçar o mesmo caminho que você fez com as fotos no seu computador – tirá-las de vista: “Se foi um fim de relacionamento especialmente difícil”, diz a editora do Jezebel Jessica Coen, “tire as marcações em você que tiverem nas fotos enviadas por outras pessoas. Se elas forem suas, tire as tags delas e tire boa parte delas do ar.”

Mas se a sua relação não terminou em um desastre completo, você pode ir com o que Anna North do Jezebel descreve como “Dieta do Facebook” pós-separação. Nesse caso, apenas viva e deixe viver – e fique longe desse inferno branco-e-azul. Aquelas fotos? “Ignore-as,” ela diz. “Isso também ajuda a evitar ficar remexendo nessas coisas e encoraja a pessoa de coração partido a sair de casa.”

Entretanto, existe também alguma estratégia por trás disso, caso você esteja se sentindo como um Maquiavel das redes sociais. Mesmo que rever essas fotos não te embrulhe o estômago ou algo do tipo, que efeito pode causar as fotos taggeadas de você com seu/sua ex em seu próximo namorico? “Tirar as tags previne que outros pretendentes vejam dezenas de fotos de você feliz com outra pessoa com quem você estava dormindo na época – e você não pode adicionar nas tags algo como “MAS ELES ERAM MUITO ESTÚPIDOS E NUNCA ME FIZERAM RIR, VOCÊ É MELHOR, JURO!”, diz Morning Gloria do Jezebel. “O que é uma pena, porque você realmente deveria poder adicionar coisas assim às tags.”

 

Devo deletar meu/minha ex na minha lista de amigos?

A menos que vocês dois sejam algum tipo de ciborgue da amizade super maduros, vocês não conseguirão fingir que tá tudo normal e continuar a ser apenas amigos no dia seguinte. Você provavelmente irá sofrer. Muito. E ver o nome de seu/sua ex aparecendo na sua lista de amigos pode fazer isso doer ainda mais. Se você está tentando manter as coisas civilizadas, nós recomendamos pegar leve e começar escondendo seus ex mas não bloqueando ou deletando: o Facebook permite que você esconda pessoas de seu feed de notícias, programas de mensagens instantâneas permitem que você esconda pessoas das suas listas de amigos, e o Twitter permite que você dê unfollow em pessoas ou coloque-as em listas  que você nunca olha. Então tem bastante coisa que você pode fazer sem banir/bloquear.

 

O que você faz com seus e-mails/Log de Mensagens Instantâneas/mensagens de texto antigos? Fazer backup para olhar depois? Se for para fazer algo com eles, quanto tempo esperar? Por quê?

Mensagens de texto e e-mail de ex podem parecer a mesma coisa de fotos no seu disco rígido e Facebook, mas eles não são. Porque enquanto as fotos podem ter memórias gostosas apesar de seu ex estar junto, conversas entre duas pessoas quase sempre são coisas bobas do dia-a-dia ou intimas. Nenhum dos casos justifica guardar. Livre-se delas.

“Eu espero mais ou menos um mês, e se está claro que nós nunca iremos nos reconciliar (dica: nós não vamos!), eu deleto,” Diz Gloria. “Eu normalmente faço uma pesquisa na caixa de entrada com o primeiro nome do meu ex e deleto até mesmo e-mails que eu troquei com meus amigos onde eu cito o ex. Não há necessidade de manter esse tipo de coisa por perto; isso evita que você siga em frente.”

 

Como lidar com ligações/mensagens de texto bêbadas de/para seu/sua ex?

Ligações (e mensagens de texto!) enquanto bêbado é ao mesmo tempo a mais excitante e a mais triste de todas as atividades da madrugada. Todos nós já fizemos isso. Talvez você esteja fazendo isso agora mesmo (pare!). Alerta de Spoiler: Você não vai reconquistar seu ex dizendo “EieIeEE uQui vosSe tA faAZnendo aGourA??????” às 3 da manhã pelo seu celular.

Isso é obvio na teoria, mas é mais difícil na prática. Ao invés de apagar o número, engane o seu cérebro completamente bêbado (ou o de seu ex) com uma pequena estratégia no celular: “Algumas pessoas salvam o número do ex como “NÃO ATENDA” ou “NÃO” nos celulares,” diz Gloria, “mas nada convenceria mais meu Eu Bêbado de atender uma ligação vinda de NÃO ATENDA. Para combater a minha beligerância, eu deixo meus ex no meu celular, mas salvo os números com o nome de algum cara que eu tenha feito o ensino médio junto e que seja meio nojentão, que eu nunca ligaria ou que não tenha razão para falar com.” Ou dou um nome tipo “Zé da Gonorreia”

O que fazer com os amigos/família-do-ex que você se relacionava na época do namoro?

Em cada fim de relacionamento, quando você divide os amigos eles normalmente ficam com quem chegou primeiro. Na vida real, você nunca liga para os amigos da sua ex para saber o que eles estão fazendo. Mas o Facebook não é a vida real. Descarte esses agregados que são relacionados com seu antigo amor se você nunca gostou deles e só aceitou o pedido de amizade para ser educado. Ou, deixe quieto se você é indiferente ou na verdade quer manter o contato. Isso realmente não importa. Apenas lembre que quanto mais amigos de seus ex você mantiver como amigo online, maior será a frequência que você verá os seus rostos nos feeds.

 

Como se recuperar usando a tecnologia?

Cerrrto! Agora que você parou de chorar e olhar para as fotos de seu amor do passado, está na hora de sair dessa e tirar essas coisas da sua cabeça. Com arte? Com uma boa comédia? Não, tolinho! Com um pouco de sexo fácil e vazio. E a internet é o ambiente perfeito para encontrar esse tipo de coisa.

Se você for uma mulher, tente algum site de relacionamentos. Praticamente todos os anúncios de encontros casuais são de homens, postando com a esperança extremamente remota de que alguém exatamente como você irá ler seu pequeno e triste anúncio. Aviso: Provavelmente será estrangulada e morta em uma banheira. Brincadeira – em partes –, mas é sempre bom ter cuidado.

Se você é um cara, nem se dê ao trabalho. Então, o que fazer? Tem bastante pornografia online. E quando você se cansar disso, tente uma aproximação um pouco mais tradicional: dê cantadas em pessoas fáceis que você já conhece: “Se você está tentando se recuperar de uma maneira mais sexual,” Debby sugere, “mandar mensagens de texto para antigas amizades coloridas – ou amizades coloridas em potencial – é uma opção.” Tente manter tudo discreto e interessante. Bem, na medida do possível, por se tratar de algo sórdido como sexo casual.

 

Quanto tempo esperar até reestabelecer contato digital?

“Reestabeleça contato apenas quando você tiver certeza que você superou,” diz Debby.

É muito, muito fácil apagar virtualmente qualquer vestígio do seu desastre amoroso, como vimos acima. Um ex pode ser bloqueado, deletado, tirado da lista de amigos, de-taggeado, escondido – para sumir da vista completamente. A destruição é muito fácil. Mas ficar tudo bem de novo? Isso é enormemente complicado, devido às maneiras já mencionadas que você pode apagar a existência de alguém da sua vida. A chama digital no seu coração pode reacender com pixels e ser coberta com um filtro do Hipstamatic, mas uma vez que é apagada, está apagada de verdade. Todos os meios que você tem à sua disposição para cortar os laços digitais que você tem com seu ex, ele/ela também tem para cortar os laços com você. Então, quando você estiver pronto para conversar de novo, “você pode não ter nenhum direito de opinar sobre o assunto,” lamenta Debby, “especialmente se você tiver sido a pessoa que foi bloqueada de alguma maneira.” Então, por fim, pode não haver nada que você possa fazer.

Mas saiba de uma coisa – quanto menos psicopata todo mundo estiver no momento do término, mais fácil é para dizer olá depois (platonicamente!). E se não sobrou nenhuma informação de contato, você precisa lembrar o que fez com que as coisas tomassem esse rumo, e perguntar a si mesmo se dizer olá é uma boa ideia agora. Com isso em mente, você sempre pode mandar uma nota intitulada “bandeira branca” no Facebook, antes de enviar um pedido de amizade.

Ilustração original por Robert Grossman.

SOBRE NOSSOS ESPECIALISTAS
Jessica Coen é editora do Jezebel e destila sabedoria ardentemente
John Bridges, é o homem mais estiloso vivo, e autor da série How to Be A Gentleman
Annie Fox é educadora e autora do The Teen Survival Guide to Dating & Relating
Anna North é redatora do Jezebel e autora do romance America Pacifica
“Morning Gloria” é colaboradora do Jezebel aos domingos e possível agente secreta